Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
BROADWAY

Jesse Williams fala pela primeira vez sobre nu vazado: ‘não me preocupo’

Ator indicado ao Oscar do teatro disse que 'consentimento é importante'; confira

Publicado em 14/05/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

O ator Jesse Williams, intérprete do cirurgião plástico Jackson Avery em Grey’s Anatomy, falou pela primeira vez sobre o vazamento de nu frontal feito por ele na peça de teatro Take Me Out, pela qual foi indicado ao Tony Awards. Uma pessoa gravou a cena e a imagem circulou na internet nesta semana. “Não me preocupo”, disse em entrevista à Associated Press. “Não posso [me preocupar]. Meu trabalho é subir no palco toda noite, não importa o que aconteça.”

Jesse Williams tocou no assunto na última quinta-feira (12), em evento com os indicados ao Oscar do teatro americano. Ele passou por todas as nuances que a exposição da nudez dele gerou, como o apoio de colegas de profissão e a questão de expor a intimidade do outro sem permissão.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

“Foi maravilhoso ver a comunidade [de atores] se posicionar e deixar bem claro o que nós acreditamos”, disse. “O teatro é um espaço sagrado, mas nem todo mundo entende isso. Nem todos necessariamente respeitam isso, porém deveriam.”

Ele comentou que “consentimento é importante, vamos manter isso em mente no geral”. A plateia do espetáculo é orientada a deixar os aparelhos celulares antes de entrar no teatro justamente para não ocorrer esse tipo de coisa. Contudo, uma pessoa conseguiu driblar o procedimento e registrou a cena. A companhia que organiza a peça prometeu ser mais rigorosa nessa fiscalização.

Jesse Williams em Take Me Out

Entenda a peça Take Me Out

Em Take Me Out, Jesse Williams interpreta um astro do beisebol que assume ser homossexual. A história é inspirada em fatos verídicos ocorridos com dois jogadores da Major League Baseball (MLB), a liga profissional do esporte nos Estados Unidos e Canadá.

A peça na Broadway é encenada dentro do vestiário de um time fictício da MLB. Todo o elenco é composto de homens. Eles replicam situações que se passam nesse lugar, explorando temas como masculinidade, classe social, racismo e homofobia.

Em determinado momento, de frente para a plateia, os atores aparecem completamente pelados, tomando banho no chuveiro do vestiário. Entre eles está Jesse Williams, que é o protagonista. 

Para Williams, a nudez faz sentido dentro da história. O papel foi oferecido a ele quando ainda fazia parte do elenco fixo de Grey’s Anatomy. Só depois de ler o roteiro que ele percebeu que teria de ficar pelado em cima do palco.

“Se alguém dissesse para mim, logo de cara, que haveria nudez, a minha reação seria outra”, explicou à AP. Mas o nu é honesto, faz sentido, não é lascivo. Aquilo faz parte da trama, coloca a plateia em uma posição interessante para compreender e ter empatia dos personagens.”

(em tempo: Jesse Williams vai voltar para Grey’s Anatomy, ao menos em um episódio. Ele irá reviver o cirurgião Jackson Avery no final da atual 18ª temporada, surgindo junto com Sarah Drew, intérprete da April Kepner). ⬩

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....
Pular para a barra de ferramentas Sair