Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
FALSA HERDEIRA

Onde está Anna Sorokin? Entenda o caso de deportação da golpista

Tema de minissérie da Netflix, a vigarista alemã corre risco de ser expulsa dos EUA

Publicado em 16/03/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Após ficar incomunicável na última segunda-feira (14), a golpista Anna Sorokin/Delvey estava com o destino certo: a deportação dos Estados Unidos. Veículos como o jornal New York Post e o site Insider, citando fontes próximas do caso, confirmaram que a falsa herdeira alemã estava de viagem marcada para Frankfurt (Alemanha) na noite da mesma segunda. Porém, a vigarista tema da minissérie Inventando Anna (Netflix) permanece em território americano.

Uma pergunta ainda cabe: onde está Anna Sorokin? Isso porque o ICE, Serviço de Imigração e Controle Aduaneiro dos EUA, apenas confirmou oficialmente que ela está sob a custódia do departamento, mas sem compartilhar exatamente em qual lugar do país.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

“Ela está detida no ICE, esperando uma remoção”, disse Emilio Dabul, porta-voz da agência, para a CNN. Não se sabe se ela continua atrás das grades no Estado de Nova York, na penitenciária Orange County Correctional Facility, nem quais são os planos de uma futura deportação.

O enrosco do caso

Em março de 2021, seis semanas após conseguir liberdade condicional (tinha sido presa em 2017 e condenada, dois anos depois, por apropriação indébita), Anna Sorokin foi detida por agentes da ICE devido ao visto americano dela ter expirado.

No último 17 de fevereiro, uma ordem de deportação foi protocolada. Os advogados de Anna tinham um mês para tentar reverter a decisão.

“Legalmente, ela só poderia ser deportada após 19 de março”, falou o advogado Manny Arora, do time de Ana, em entrevista à rede NBC na segunda-feira (14). “Mas estamos lidando com burocracia e nunca sabemos se vai ocorrer algum tipo de erro”. No começo da semana, Arora não conseguiu falar com a cliente, como faz diariamente. “Logo, entendi que ela tinha sido deportada”, confessou.

Devido à grandiosidade do caso, por Anna Sorokin está no centro das atenções da mídia, cada passo nos próximos dias será acompanhado de perto, seja ela sendo expulsa dos EUA ou vencendo a apelação para permanecer na nação norte-americana. Ela é uma de várias pessoas que entraram em um processo coletivo contra a ICE.

Julia Garner interpretou Anna Sorokin na minissérie Inventando Anna

A história real de Inventando Anna

Na minissérie Inventando Anna, a jornalista Vivian (Anna Chlumsky) trabalha sob pressão na revista ficcional Manhattan, cobrada para entregar alguma reportagem substancial, de relevância. Ela se depara com o caso de Anna Delvey (Julia Garner), cujo nome real é Anna Sorokin, suposta herdeira alemã, famosa no Instagram, que roubou os corações (e o dinheiro) da alta sociedade de Nova York.

Entre 2013 e 2017, Anna desfilava nos lugares mais requintados de Nova York, cercada da elite da cidade. Ela dizia ser dona de uma fortuna e, em um futuro próximo, tomaria posse de US$ 60 milhões. 

O grande público tomou conhecimento dela após a revista New York publicar uma reportagem, em 2018, sobre as trambicagens da falsiane. Nascida na Rússia, Anna não tinha um tostão furado no bolso, mas conseguia se hospedar em hotéis caríssimos e enganar os amigos, dando como garantia o simples “depois eu pago.”

Anna Sorokin vendeu os direitos da história dela para a Netflix por US$ 320 mil (R$ 1,63 milhão). ⬩

____

Conheça a página de séries do Observatório da TV

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....