Absurdo

Amor Perfeito: Marê é vítima de um crime grave envolvendo Gusmão e Orlando se revolta ao saber o que aconteceu com a namorada

Assediada e humilhada pelo patrão, a administradora sai em choque vagando pelas ruas

Publicado em 25/05/2023

Em Amor Perfeito, trama das 18h da Globo, Marê (Camila Queiroz) bateu muita perna atrás de um emprego e ficou feliz da vida quando Gusmão (Mario Hermeto), o dono da alfaiataria de uma cidade vizinha a São Jacinto, resolveu lhe dar uma chance.

Mas, entusiasmada com a oportunidade, a administradora não conseguiu perceber desde o início as reais intenções de Gusmão com ela. Até mesmo a mulher do comerciante, Iolanda (Cláudia Ventura) não gostou nada ao notar o jeito do marido com a moça.

Gusmão (Mário Hermeto) em Amor Perfeito
Gusmão (Mário Hermeto) em Amor Perfeito

Os dias vão passando e as investidas de Gusmão pra cima de Marê ficam ainda mais incisivas, mas nem assim a moça consegue perceber, afinal, precisa daquele emprego e está empenhada em ser uma funcionária cada vez melhor.

Só que a situação desanda de vez, quando Gaspar (Thiago Lacerda) tem uma conversinha com Gusmão e pede que ele demita Marê em troca de um grande trabalho que vai lhe mandar. Ambicioso, o comerciante concorda, mas antes de mandar a mocinha para o olho da rua tem uma atitude deplorável com ela.

Marê (Camila Queiroz) e Gusmão (Mario Hermeto) em Amor Perfeito
Marê (Camila Queiroz) e Gusmão (Mario Hermeto) em Amor Perfeito

Dessa vez, sem o menor pudor, Gusmão ataca a funcionária e até rasga sua roupa quando ela resiste a uma investida violenta dele. Só então Marê percebe que estava sendo assediada o tempo todo pelo safado e reage, confrontando o malandro. Irado por não conseguir o que tanto queria, Gusmão humilha Marê, que sai da alfaitaria totalmente descompensada.

Orlando (Diogo Almeida) em Amor Perfeito
Orlando (Diogo Almeida) em Amor Perfeito

Ela sai vagando pela estrada a pé, aos prantos. Enquanto isso, em São Jacinto, Orlando (Diogo Almeida) estranha a demora da namorada e resolve ir atrás dela. O médico encontra a administradora no meio da estrada, num estado deplorável e a resgata. Só depois, um pouco mais calma, ela consegue contar ao namorado o que aconteceu.

Orlando espuma de ódio e no dia seguinte, com sangue nos olhos, vai atrás de Gusmão e confronta o comerciante, quase partindo para a agressão, tamanha é sua justificada revolta. Na presença de Iolanda, o médico cobra o pagamento do salário ao qual Marê tem direito e, diante do comportamento de Orlando, a eposa do tarado já logo desconfia da atitude de Gusmão com a funcionária.