Roberto Kovalick cogitou ‘luva mágica’ para conseguir apresentar o Hora 1: “Acordo às 23h”

Jornalista entra no ar às 4h

Publicado em 21/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

À frente do Hora 1 desde setembro de 2019, o jornalista Roberto Kovalick adotou uma mudança radical em sua rotina para apresentar o telejornal, que começa às 4h. Ele acorda às 23h, toma café da manhã às 23h30 e começa a trabalhar na Globo à meia-noite.

Em conversa com Augusto Siqueira, da GQ, o comunicador contou que precisou de ajuda profissional para se adaptar e entre as possibilidades estava uma tecnologia desenvolvida por um médico de Minas Gerais.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu tenho um cardiologista que me acompanha há alguns anos. Logo que eu comecei a apresentar, procurei um especialista em sono, lá de Minas Gerais. Ele botou um relógio no meu pulso que media a qualidade do sono, disposição à luz, etc”, disse Roberto Kovalick.

“Seriam três etapas para eu me adaptar ao novo horário: a primeira etapa seria a mudança de hábito. Se não funcionasse, partiríamos para uma tecnologia que ele mesmo estava desenvolvendo com atletas que iam a Tóquio, para se adaptarem ao fuso horário [de lá]”, explicou.

“É um negócio meio maluco: uma luva, que você bota na mão esquerda, e ela baixa a temperatura do seu sangue. E isso ajuda você a dormir“, explicou ele sobre a tecnologia. “E se eu não me adaptasse [a uma eventual segunda etapa], teria que fazer todo um tratamento. Graças a Deus, parei na primeira etapa”, acrescentou o jornalista.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio