Orgulho e Paixão: Margareth pede para Xavier matar Susana e Elisabeta

Publicado há 2 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Orgulho e Paixão, na Globo, Margareth (Natália do Vale) decidiu tirar de vez seus inimigos do caminho. Isso inclui Elisabeta (Nathalia Dill) e Susana (Alessandra Negrini), que a está chantageando. Para o serviço, a britânica chamará Xavier (Ricardo Tozzi), que se assustará com o pedido, mas dirá que aceitará. Confira.

“Seus alvos agora são mais graduados: Elisabeta e Susana. O que me diz?”, perguntará a estrangeira, ao explicar quem são as pessoas que ele deve matar. “Perdeu o juízo? Não sou seu capanga, sou um proprietário de terras. Muito rico, inclusive, não admito que me trate assim”, reagirá Xavier.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Elisabeta conta à família que se casou com Darcy e Ofélia desmaia, em Orgulho e Paixão, na Globo

Margareth, então, continuará medindo forças com o vilão orgulhoso. “Já entendi. Você nunca chegou às vias de fato, não é? Faz muitas ameaças, range os dentes, ladra… Mas morder, nunca mordeu. Me diga, é por incompetência ou covardia?”. “É bom que escolha bem suas próximas palavras, não sou homem de ouvir desaforo sem reagir”, ameaçará.

Margareth diz que quer resultados

“Somos sócios agora. Preciso saber exatamente do que é capaz, o valor que minha aliança com você tem pra mim. Não precisa realizar a tarefa pessoalmente, mande um homem de confiança fazer o serviço, se achar mais digno da sua posição social. Agora chega de choro e justifique os privilégios que estou lhe dando na ferrovia”, rebaterá a megera.

Xavier, então, se manterá firme no orgulho por alguns momentos. Ele dirá que só responde a si mesmo. A estrangeira ameaçará ele dizendo que ele deve obedecê-la, caso queira manter seu poder no Vale do Café. Ela se referirá à ferrovia, que seria usada exclusivamente por Xavier. Ele, no entanto, não se intimidará e falará há outras opções para transportar o café.

Percebendo que sua estratégia não está funcionando, Margereth mudará o tom e acalmará o mau-caráter. Calma, não quis lhe ofender. Tenho certeza de que é muito corajoso além de extraordinariamente inteligente. Pessoas inteligentes compreendem o humor. Reconheço que às vezes o humor inglês pode ser um pouco agressivo especialmente pra quem compreende metade da piada. Se se sentiu ofendido, peço desculpas”.

Margareth justifica seu pedido extremo

Ele, então, pedirá para dar mais detalhes do que pretende. “Veja bem, tanto Elisabeta quanto Susana podem me prejudicar seriamente. Não é o que o senhor deseja, imagino, já que seu sucesso depende do meu. Certo?”. “Prejudicar como?”. “Elisabeta é responsável pela morte da minha única filha, uma assassina. E me odeia, é uma ameaça constante pairando sobre mim”.

“E Susana?”, perguntará Xavier. “Essa sabe demais. E se eu entrar em detalhes agora com o senhor… vai ser seu caso também. Não acho conveniente, nem necessário. Um acidente, uma fatalidade… e essas duas peças saem do meu tabuleiro. É só o que peço”, responderá. “Posso providenciar. Mas vou fazer da minha maneira… Também tenho uma peça a retirar do tabuleiro. Elisabeta e Susana vão parar de importuná-la para sempre… E o Coronel Brandão vai levar a culpa”, concluirá Xavier, fazendo Margareth sorrir.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio