“Quem matou Odete Roitman?”: Frisson em torno do mistério de Vale Tudo é o tema da semana

Um dos maiores suspenses da teledramaturgia brasileira durou apenas duas semanas no ar

Publicado há 2 meses
Por Fábio Costa
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Observatório da TV retomou as atividades de seu canal do YouTube com os programas que os inscritos já conhecem, depois de realizar algumas lives durante o período de isolamento social – do qual, lembremos, não saímos ainda.

Na volta dos vídeos, o TBT da TV desta semana relembra um dos maiores mistérios da teledramaturgia brasileira: o “Quem matou Odete Roitman?” de Vale Tudo (1988).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A novela de Gilberto Braga, Aguinaldo Silva e Leonor Bassères foi inserida no catálogo do Globoplay em 19 de julho, e tanto novos fãs quanto quem já a conhecia estão uma vez mais envolvidos com a parábola sobre honestidade em nosso País. Aquele final dos anos 1980 está mais atual do que nunca, como as próprias chamadas da novela mostram.

A luta da honestíssima Raquel (Regina Duarte) contra sua filha arrivista, Maria de Fátima (Glória Pires), além da presença da esnobe mau-caráter Odete Roitman (Beatriz Segall), mobiliza a atenção do espectador que se vê identificado com a história em todas as questões levantadas, a partir do questionamento sobre a índole nacional.

Morta com três tiros a duas semanas do final de Vale Tudo, a megera Odete angariou muitos inimigos no decorrer da história, e foram muitos os suspeitos na busca pela resposta à pergunta “Quem matou Odete Roitman?”. Saiba mais sobre o crime, os finais não exibidos e a repercussão na época no TBT da TV. Confira no vídeo abaixo:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais