Val Marchiori é condenada por danos morais após falar de Mr. Catra no Superpop

Foi decidido na primeira instância que a loira terá que pagar R$ 10 mil de indenização

Publicado há uma hora
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O juiz Mario Cunha Olinto Filho, da 2ª Vara Cível do Rio de Janeiro, julgou que Val Marchiori teve pagar R$ 10 mil por danos morais para Wagner Domingues Costa, o músico Mr. Catra, que faleceu em 2018. A decisão é em primeira instância.

As informações são dos jornalistas Vinícius Andrade e Li Lacerda, do Notícias da TV. O artista, que morreu vítima de um câncer no estômago, entrou com um processo contra a Val após ter sido chamado de safado, babaca, mau-caráter e sem-vergonha pela socialite numa edição do Superpop, programa da RedeTV! comandado por Luciana Gimenez.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na decisão, o juiz ainda opina sobre a produção onde as ofensas aconteceram. “[O cantor] teve a sua imagem e reputação comprometidas por conta de imputações ofensivas à sua honra por conta de ‘opiniões’ trazidas pela ré em programa televisivo de fofoca e baixo nível”, destacou Mario.

“O valor [R$ 10 mil] deverá ser suficiente para indenizar, atendendo também o caráter punitivo, para que atos como esse não se tornem permissíveis ou vantajosos no futuro”, apontou também. A defesa de Val recorreu e espera uma nova decisão na segunda instância. Procurada pelo portal, a RedeTV!, que não teve nenhum tipo de punição, não se manifestou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio