Stênio Garcia afirma que foi perseguido e boicotado na TV Globo

"A verdade é que eu sempre me dediquei"

Publicado há um mês
Por Henrique Carlos
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na noite deste domingo (20), o ator Stênio Garcia acabou surpreendendo em uma entrevista reveladora ao Domingo Espetacular, na Record TV. A princípio, o ator fez parte do quadro Por Onde Anda, onde falou sobre o fim de seu contrato com a Globo.

A princípio, a emissora não está renovando os contratos com a maior parte de seu elenco, inclusive grandes veteranos da casa. Porém, o que acontece é que a emissora está adotando o formato de contratos por obra, onde o ator permanece contratado apenas por trabalho realizado.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Entre algumas das revelações que o ator fez, Stênio falou sobre desavenças com o autor Silvio de Abreu, que segundo ele, tomou partido de sua ex-mulher, a atriz Cleyde Yáconis.

“Quando ele tomou uma posição de direção artística, ele era um diretor, autor que não sabia escrever para mim, não queria escrever ou não gostava. De repente, me achava baixinho, feio… Isso é uma brincadeira que eu faço. Eu fiz algumas coisas com ele. A verdade é que eu sempre me dediquei, sempre quis fazer bem”, explicou ele.

Além disso, Stênio falou sobre os anos que passou na emissora e fez grandes amigos, além de receber mensagem de ex-colegas de trabalho que agora estão na Record TV. Ele também falou sobre quando pediu para não ser dispensado da Globo em suas redes sociais.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais