Segundo Sol: Roberval perde a paciência e expulsa Rochelle de casa

Publicado há 2 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Segundo Sol, na Globo, Roberval (Fabrício Boliveira) acreditou que poderia dar um jeito em Rochelle (Giovanna Lancellotti). Com isso, tentou doutriná-la, impondo regras rígidas, mas a menina não melhorou. Ela continua arrogante e provocando-a. Nos próximos capítulos, vai ao ar um cena em que ele se irrita e a manda embora de casa. Confira.

“Que pena, perdi a emoção de ter um gatuno em casa ontem à noite! Severo continua no mesmo ramo, só mudou de escala, trocou as grandes falcatruas pelos furtos de residência!”, afirmará Roberval. “Esse talento deve ser coisa de família, não vê você, envolvido com tráfico de diamantes?”, provocará Rochelle.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Presa por tráfico, Laureta jura partir para cima de Karola, em Segundo Sol, na Globo

“O roto falando do esfarrapado!”, dirá Manuela. “Eu vou provar que não tenho nada a ver com nenhuma atividade ilegal”, garantirá Roberval. “Pois sim, vamos fingir que acreditamos que um homem como você chegou onde chegou sem nenhuma maracutaia!”, insistirá Rochelle.

“E o que você quer dizer com um homem como eu, Rochelle? Seja clara, vamos, é por que sou negro? Filho da empregada?”. “É, ué, óbvio! Ah, vai, vamos deixar a hipocrisia de lado, eu nasci em Salvador, berço da negritude no Brasil, certo? Quantas crianças negras tinham na minha escola? Nenhuma! Por quê? Escola de rico! Não tem negros nos lugares de ricos, nem aqui em Salvador!”.

Rochelle provoca e é expulsa

“Chega, Rochelle…”, falará Karen. “Levanta e saia desta mesa, menina, cansei de ouvir sua voz”, ordenará o empresário. “Cansou, é? Problema seu! A boca é minha e eu falo o que eu quiser! Eu tô na minha casa!”, rebaterá Rochelle. “Então, vou lhe mostrar o poder que um negro pode ter: saia da mesa e da minha casa!”.

“Não precisa expulsar Rochelle daqui pra ensinar uma lição a ela, Roberval”, falará Edgar. “Por acaso acha que conseguiu dar alguma educação à sua filha, Edgar? Rochelle vai embora, sim! Tá decidido!”. “Eu não vou sair daqui, eu nem tenho pra onde ir!”, pontuará a moça. “Vai dividir um colchonete duro e o teto que tá caindo com seu vovozinho branco!”, provocará Roberval. “Você não vai ter a coragem de fazer isso comigo!”, dirá Rochelle. “Eu vou trabalhar. Quando eu voltar não quero mais lhe ver aqui”, concluirá Roberval, deixando a mesa.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio