Segundo Sol: Luzia fica desconfiada depois de se encontrar com Emily

Publicado há 2 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Segundo Sol, na Globo, Luzia (Giovanna Antonelli), finalmente, se encontrou com Emily (Lucélia Pontes), que está se passando por sua filha, a mando de Laureta (Adriana Esteves). Com isso, ela vai ficar muito emocionada, inclusive, com a semelhança física. Mas, por causa da cafetina estar envolvida na história, a protagonista vai se conter até que haja provas de que a menina é sua parente. Confira.

“Beto, Roberval foi preso”, falará Luzia. “Preso por quê?”, perguntará o cantor. “Pelo que Cacau disse foi mais uma armação de Laureta. Eu tô com medo, quando a gente dá um passo pra frente, aquela demônia vem e dá uma rasteira…”, avaliará. “Roberval vai sair dessa, ele tem bons advogados”, dirá Beto.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Severo diz a Zefa que não armou para Roberval ser preso, em Segundo Sol, na Globo

“Cacau disse que a polícia deu uma batida lá, ela acha perigoso eu voltar pra lá”. “Eu vou arrumar um lugar pra você ficar. Cadê Groa?”, perguntará o pai de Valentim. “Foi arrumar o lugar onde ele morava, nos fundos desse bar, pra gente cair enquanto a gente estiver em Boiporã. E Emily?”.

Luzia se mostra racional

“Ela já ia dormir, tá tudo bem. O que você achou dela?”, questionará Beto. “Fiquei muito perturbada, emocionada… ela é um doce de menina, é meiga, carente… mas não quero que ela se apegue tanto, ela pode não ser nossa filha…”.

“Mas tem muita chance de ser, tudo que ela sabe bate com o que aconteceu com você… ter nascido em Jatimane, ter sido entregue pros pais adotivos pela Laureta”. “Aí que tá, Beto, a gente não pode esquecer isso: que ela veio de Laureta… Laureta pode estar usando essa menina como isca, como já usou na rodoviária”, falará Luzia.

“”Isso é uma hipótese sim, mas acho que Emily é inocente, ela pode tar sendo usada sem saber”. “Você acredita que ela é mesmo nossa filha, é isso?”. “Se a história que ela contou é verdadeira, eu não tenho dúvida de que é nossa filha… o que não anula a hipótese de Laureta ter trazido ela pra usar de isca”. “Eu me emocionei demais com tudo que Emily contou, com a vida dela. Meu Deus, como eu queria ter certeza! Minha vontade era abraçar, ficar lá com ela, passar a noite toda conversando, cuidando dela… A gente tem que fazer logo esse DNA, Beto!”, explicará Luzia.

“Amanhã, assim que Groa chegar com os papéis do laboratório, a gente agiliza isso… e você tem que tar preparada pra qualquer resultado”. “Às vezes, acho que não tenho mais forças pra nada, só queria um pouco de sossego, ter minha família, sem problemas, sem medo. Mas não vou desistir, eu vou tirar forças não sei de onde, mas vou até o fim”. “Eu eu vou tar junto de você, sempre”, concluirá.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio