Segundo Sol: Karola tem briga feia com cafetina e dispara: “Você é só Laureta, a picareta”

Publicado há 2 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os próximos capítulos de Segundo Sol, na Globo, prometem ser dos mais interessantes. As vilãs Karola (Deborah Secco) e Laureta (Adriana Esteves) começarão a se desentender. As duas terão um embate para lá de interessante e a narrativa passará a demonstrar ali uma independência da antagonista em relação à cafetina.

Tudo começará quando a esposa de Beto (Emílio Dantas) decidir romper um contrato profissional com Laureta. Ela não quer mais vínculo depois que a dona do bordel foi apontada como ladra de uma joia sua. Isso não passará de um plano de Luzia (Giovanna Antonelli), que quer destruir as duas.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: No tribunal, Beto Falcão finalmente se revela para todos, em Segundo Sol, na Globo

Assim sendo, Karola vai estar irredutível e não permitirá que Laureta organize um show de Beto Falcão, como costumava fazer. “Pulseirinha verde é VIP, senta lá na frente, depois vem a amarela, do primeiro mezanino. Faça assim, pense num avião: verde primeira classe, amarela executiva, a galera da econômica não tem pulseirinha”, falara a um funcionário, se passando por promoter.

Karola acaba com a festa de Laureta

Karola chegará, então, e se irritará com a presença de sua, até então, mentora ali: “O que é que você tá fazendo aqui?”. “Eu sou promoter de seus eventos, nós temos um contrato, esqueceu?”, rebaterá Laureta, forçando a barra. “Como é que você ainda se atreve a passar por minha sócia, minha amiga?”, cortará Karola. “Somos amigas há 200 anos, parceiras! Alguém tá armando pra separar a gente”, explicará a cafetina.

Na sequência, ela mandará Karola deixar de ser burra, mas a vilã não se intimidará e vai devolver forte: “É exatamente o que eu não sou: burra! Você é uma ladra, sanguessuga, exploradora. Você me fez acreditar que eu dependia de você, Laureta, já foi esse tempo. Não sou dependente de ninguém, sou maior que você, tenho uma vida, uma história, um nome… “Tenho um sobrenome dos mais fortes na Bahia, você é só Laureta, a picareta”, provocará.

Laureta, então, também ironizará, mas, também, insistirá que deve continuar trabalhando no evento. “Que rima pobre, Karola a que enrola! Se enxergue! Nós temos um contrato de trabalho em todos os eventos”. “Não temos mais. Tá rasgado esse contrato, e você tá fora, tá demitida. Não tenho mais vínculo nenhum com você, caia fora, sua ratazana”, argumentará Karola.

Laureta faz ameaça

“Pode ser, e você não passa de uma camundonguinha que eu piso e mato! Agora você passou do limite, Karola, não se esqueça que somos sócias em vários níveis, e você, camundonga, ainda come aqui, na minha mão”, apontará Laureta, numa tentativa falha de intimidar a vilã. “Lá vem a vampira querendo chupar o sangue do meu pescoço”, avaliará Karola.

No fim de cena, Valentim aparecerá e Laureta fará uma ameaça de revelar tudo que sabe para o menino e, assim, destruir a vida de Karola. Mas não o fará e deixará o local bastante irritada com a ex-amiga.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio