“Se eu fosse a Bruna, compraria o livro porque ela é muito citada”, diz Leo Dias sobre biografia de Anitta

Publicado há 2 anos
Por Caio Ponciano
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O jornalista e apresentador do Fofocalizando, do SBT, Leo Dias, foi o entrevistado desta quinta-feira (21) no Sensacional, da RedeTV!, apresentado por Daniela Albuquerque. Leo está lançando a biografia não-autorizada Furacão Anitta, que conta a trajetória de sucesso da cantora carioca. Entre outros assuntos, Leo comentou como era a relação da intérprete de Vai Malandra com outras cantoras brasileiras.

“Anitta era muito fã da Ivete [Sangalo]. Quando ela a viu pela primeira vez, chorou. Mas o que houve não foi confusão, apenas decepção. Durante a gravação de um DVD, a Ivete perguntou para Anitta, nos bastidores, se ela havia participado do DVD de Claudia Leitte. Pediu então para que a Anitta dissesse no Faustão que o seu sonho era participar do DVD da Ivete Sangalo, para que não ficasse feio para a baiana. Mas Anitta não atendeu o pedido dela e desde então elas não têm mais relação”, revelou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Bruna não é acessível. Não é querida”

A apresentadora Daniela Albuquerque convidou Leo a participar de um jogo em que ele seria o dono de uma festa e teria que barrar e permitir a entrada de alguns famosos. Ao invés de festa, Leo sugeriu que fosse o lançamento de seu livro, em que ele cobra pelo exemplar ou presenteia alguma celebridade. As primeiras que apareceram no jogo foram Bruna Marquezine e Marina Ruy Barbosa.

“Eu faria Bruna entrar na fila para comprar o livro e para Marina eu mando vários livros autografados. Adoro a Marina. Eu não gosto de quem não respeita a imprensa. Bruna não é acessível. Não é querida. Se eu fosse a Bruna, compraria o livro, porque ela é muito citada”, entregou.

Por fim, o público começou a fazer perguntas para Leo. Ele foi surpreendido por uma pessoa que perguntou sobre a sexualidade de Luan Santana. “Ele já pegou várias famosas. Bruna Marquezine, Anitta… Já pegou, inclusive, a Marina Ruy Barbosa. Isso foi há muitos anos, quando ela ainda nem namorava o Klebber Toledo. Pessoas sensíveis sempre acabam tendo essa fama de gay. Ele é uma cara sensível. Mas isso não tem nada a ver”, opinou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais