Roberto Cabrini investiga possível prisão injusta de dançarina do Conexão Repórter

Publicado há 2 anos
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Conexão Repórter da próxima segunda-feira, 24 de setembro, traz um caso de cárcere sob suspeita. Roberto Cabrini realiza uma investigação exclusiva. Apresentando indícios de que uma jovem dançarina condenada por assalto à mão armada pode ser um caso de erro da justiça.

O jornalista traz fatos que indicam que Bárbara Querino de Oliveira estaria a quilômetros de distância do cena do crime. Mesmo após três vítimas terem reconhecido a moça, primeiro por foto, depois pessoalmente.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Leia também: Ludmilla comenta rumores de romance com Gabriel Jesus

A defesa diz que as provas contra ela foram obtidas de forma ilegal. Seus amigos inclusive afirmam que a moça é vítima de uma grande injustiça. Cabrini conversa com Bárbara em sua cela, falando ainda com familiares e pessoas próximas. O intuito é compreender quais são as provas contra a modelo e o que ela tem a dizer em sua defesa.

Conexão Repórter garante vice para o SBT nas principais praças do país

O Conexão Repórter comandado por Roberto Cabrini vem alcançando excelente desempenho no ranking geral das audiências. Somente no mês de agosto, o jornalístico impactou 26 milhões de telespectadores. Garantiu a vice-liderança nas principais praças do país.

Audiência da TV (10/09): Conexão Repórter conquista a primeira colocação para o SBT

No PNT a atração registrou 5% de crescimento em relação ao mês anterior. E fechou agosto na segunda colocação com 5,6 pontos de média, totalizando 93% de vantagem sobre a Record. Emissora que no mesmo período e faixa horária marcou 2,9 pontos e ficou em terceiro lugar.

Na Grande São Paulo, o jornalístico também cresceu 5% e fechou o mês vice-liderança com mais que o dobro de audiência da terceira colocada. Em agosto, o “Conexão” marcou 7,5 pontos, totalizando 114% de vantagem sobre a emissora concorrente, que no mesmo período e faixa horária registrou 3,5 pontos de média e ficou na terceira colocação.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio