Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
De volta

Nem Marjorie, nem Dalton: Protagonistas de Duas Caras foram escritos inicialmente para outros atores

A trama de Aguinaldo Silva estreou no Globoplay

Publicado em 31/08/2021
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Duas Caras chegou ao Globoplay. A novela de Aguinaldo Silva, exibida entre 2007 e 2008, contou com uma dupla de protagonistas que conquistou o público. Eles foram vividos por Marjorie Estiano e Dalton Vigh.

A atriz interpretou Maria Paula, uma mocinha de atitude que leva um golpe de Adalberto, personagem de Dalton, que mais tarde passou a se chamar Marconi Ferraço.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

O crápula rouba toda a fortuna da jovem e some, a ponto de mudar seu rosto. Mas mesmo assim ele acaba sendo encontrada pela moça, que promete vingança e revela que teve um filho com o vilão.

Ao longo da trama, Maria Paula e Ferraço viveram um grande embate, mas o amor falou mais alto e eles terminaram a trama juntos. Os intérpretes mostraram química e agradaram os telespectadores, que torceram pelo casal.

O que pouca gente sabe é que os protagonistas foram escritos inicialmente para outros atores. Para o papel de Maria Paula, o autor pensou em Carolina Dieckmann, que foi Isabel em Senhora do Destino. Mas ela recusou devido à gravidez. A segunda cotada foi Mariana Ximenes. Entretanto, a atriz preferiu compor o elenco de A Favorita, como Lara.

Sendo assim, Marjorie foi escalada para o posto. Além do sucesso em Malhação, a atriz chamou atenção de Aguinaldo Silva devido ao papel de Marina, em Páginas da Vida.

Já Ferraço foi pensado para Eduardo Moscovis, um dos vilões de Senhora do Destino. O veterano, porém, preferiu dar um tempo nas novelas. Para compensar, ele voltou em outra novela de Aguinaldo, O Sétimo Guardião, mais de dez anos depois. Com isso, Dalton Vigh ficou com o papel devido ao sucesso como Clóvis, o intragável antagonista de O Profeta.

Para completar, Juvenal Antena, rival de Ferraço, seria vivido por José Mayer. Mas o ator quis se dedicar ao teatro na época. Por isso, Antonio Fagundes esteve na pele do rei da Portelinha, muito bem por sinal.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....