“Ela não é uma vilã, mas gosta de dinheiro”, diz Tais Araujo sobre a controversa Vitória de Amor de Mãe

Publicado há um ano
Por Leandro Lel Lima
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O desejo de ser mãe, de seguir uma carreira como advogada e ainda ter um companheiro trará muitos conflitos para Vitória, papel de Taís Araujo em Amor de Mãe, próxima trama das 21h da Globo, com previsão de estreia para novembro. Em determinados momentos ela pode ser vista como uma vilã, principalmente por defender empresários e políticos sem ética. Mas a advogada gosta mesmo é de dinheiro, por isso segue firme no seu propósito: trabalhar.

No lado mais pessoal, os conflitos começam a aflorar quando ela conhece Davi (Vladimir Brichta), um ativista ambiental. No passado Vitória foi casada com Paulo (Fabrício Boliveira), ficou grávida, mas perdeu o bebê aos seis meses de gestação. Após um encontro com Davi, ela fica grávida. E pra piorar um de seus clientes, Álvaro, (Irandhir Santos), é um empresário que burla normas ambientais.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Vladimir Brichta e Taís Araújo formam par romântico em Amor de Mãe (Divulgação/TV Globo)

Família

A vida de Vitória se cruza com a história de Lurdes (Regina Casé) após a adoção de Tiago (Pedro Guilherme Rodrigues), que irá trabalhar em sua casa como babá. Vitória tem duas irmãs por parte de mãe, Natália (Clarissa Kiste) e Miranda (Debora Lamm). Com todos esses acontecimentos e relações, a advogada, e agora mãe de dois, precisa rever seus valores e comportamento.

Taís Araujo é Vitória em Amor de Mãe (Foto: Globo/João Cotta)

Ao Observatório da Televisão, Tais garante que sua personagem não é má: “Ela não é tão vilã assim… É mas não é. Não é que seja vilã. É o trabalho dela. (risos). É uma advogada muito séria, muito competente. Mas um dos clientes dela é uma pessoa com ética duvidosa, e ela defende esse cara. Ela gosta de dinheiro”.

Além de Paulo e Davi, Vitória também já teve muitos namoros, é uma mulher empoderada: “Com um monte de homem. Não é tão moderna porque não é todo mundo ao mesmo tempo, mas alguns homens passaram pela vida dessa mulher. (risos)”, brinca a apresentadora do Posptar que está animada pela parceria que terá com Regina Casé e Adriana Esteves no folhetim.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio