Conexão Repórter acompanha 72 horas de intervenção militar no Rio de Janeiro

Publicado há 2 anos
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Conexão Repórter da próxima segunda-feira, 08 de outubro, revela os bastidores de uma missão. Roberto Cabrini vai ao Rio de Janeiro e acompanha a cidade que está tomada pelo tráfico, milícias e corrupção.

Pela primeira vez, uma equipe de TV recebe autorização para acompanhar o trabalho da intervenção militar na capital fluminense. E o jornalista passa 72 horas junto com as Forças Armadas, trazendo detalhes jamais mostrados.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O controle do medo, a disciplina, o comprometimento com a causa, a preparação e o enfrentamento. Atrás de uniformes impecáveis, seres humanos. O jornalista conhece a rotina de treinos diários, as reuniões sigilosas de estratégia de combate e operações em áreas críticas dominadas pelo poder de fogo do crime organizado.

Leia também: Luciano Huck toca Vou de Táxi no piano

O programa registra como, em um cenário de terra arrasada, eles não hesitam em olhar diretamente para os olhos do inimigo ao mesmo tempo em que fazem o que podem para ganhar a confiança de uma população que não acredita mais no Estado. O telespectador vai acompanhar os sacrifícios de uma guerra sem fim.

O Conexão Repórter vai ao ar às segundas, 23h30, logo após o Programa do Ratinho, no SBT. Site oficial:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais