CNN Brasil revela que afastou 180 funcionários

Pandemia do novo coronavírus afeta o canal

Publicado há 9 meses
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Como as demais empresas brasileiras, a CNN também enfrentou grandes desafios com o coronavírus. Dos 450 funcionários diretos da emissora, 180 foram afastados das sedes e passaram a trabalhar de casa, a maioria por precaução, mas alguns porque foram contaminados, como a apresentadora Mari Palma.

Antes de completar o primeiro mês do programa Live CNN, ela precisou cuidar da saúde. Mari já está recuperada e de volta ao comando da atração. Para compensar os profissionais afastados, a CNN Brasil contratou mais de 80 temporários, para reforçar a equipe e garantir que a informação continue chegando ao público.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A pandemia da COVID-19 é, infelizmente, uma realidade dura e devastadora.  Estamos solidários a todos os que perderam familiares e amigos por causa da doença. Esperamos que o atual período seja curto dentro das possibilidades e que a economia do país e a saúde dos brasileiros sejam preservadas da melhor maneira possível“, avaliou o CEO do canal, Douglas Tavolaro.

E concluiu: “Todos temos que nos adaptar. A sociedade pós-coronavírus deve criar padrões melhores de comportamento e reforçar os laços de solidariedade. De nossa parte, seguiremos em cima dos fatos levando informações e prestando serviço à população”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio