Carla Diaz relembra a Khadija de O Clone, enredo que volta ao ar no Viva: “Amava demais”

Publicado há 10 meses
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta segunda-feira (9), às 23h, o canal Viva estreará a reprise de O Clone (2001/2002), trama das 21h de Glória Perez. Carla Diaz, que viveu a pequena Khadija no enredo, falou sobre a época na qual gravou a produção.

“Tenho muitas lembranças boas das gravações. O trabalho era uma brincadeira. Amava demais, tanto que sigo nessa profissão. Sou muito grata a Glória Perez por ter me dado essa personagem”, declarou a atriz ao Gshow.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“O Clone foi a primeira novela que eu fiz laboratório, que aprendi a estudar, pesquisar, fiz dança do ventre, idioma. Espero que os fãs aproveitem essa oportunidade para rever a novela, que é linda e muito emocionante”, afirmou.

A artista revelou ainda que em 2017 tatuou no corpo a palavra Inshallah, bordão que virou febre na primeira exibição do folhetim. “As pessoas falam muito o Inshalá. Acho que eu vou ter 90 anos e ainda vão falar (risos)”, brincou.

“Foi uma personagem muito marcante, com uma novela mostrando uma cultura diferente, que era a árabe. Marcou muitas pessoas, porque sempre tem alguém que comenta sobre a novela comigo. Gente, como passou rápido o tempo, né?! São 19 anos já”, apontou a atriz.

Com relação à parceria com Giovanna Antonelli, que viveu a Jade, mãe de Khadija, a artista foi só elogios. “Ela sempre foi muito atenciosa, carinhosa. Giovanna tinha uma preocupação de estar contracenando mesmo comigo, apesar da minha pouca idade. Ela é uma artista que respeita muito o ofício e o colega de cena. A gente teve uma sintonia de cara”, concluiu Diaz.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais