Arlete Salles e Vera Holtz falam sobre Eu, a Vó e a Boi, série de Miguel Falabella que estreia na Globo

Produção será exibida a partir desta segunda-feira, 22, após o Conversa com Bial

Publicado em 22/11/2021 14:23
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Arlete Salles e Vera Holtz estrelam a série Eu, a Vó e a Boi, que estreia nesta segunda-feira (22), após o Conversa com Bial, na Globo. As veteranas interpretam respectivamente Turandot e Yolanda, as duas avós de Roblou, papel de Daniel Rangel, que também narra a história.

O ponto central da trama escrita por Miguel Falabella serão as confusões criadas pelas personagens de Arlete e Vera. “O Miguel fala do ódio e do rancor, da polarização, coisa que estamos vivendo nesse momento no nosso país”, ressalta Arlete Salles ao jornal Extra.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Vera destaca que as rixas acontecem por razão da personalidade de ambas. Para ela, o ‘santo de uma não bateu com o da outra’. “Elas são o que são. A Boi não está nem aí. Ela não gosta da Turandot e você não sabe bem o porquê. Ela não gosta, simplesmente”, pondera a atriz.

História de Eu, a Vó e a Boi

Eu, a Vó e a Boi será exibida no Corujão Humor. A trama é baseada em uma história verdadeira contada por Eduardo Hanzo numa rede social, Arlete Salles é Turandot, senhora aposentada e viúva, que tem na vida uma única motivação: atrapalhar tanto quanto for possível cada um dos dias de sua arqui-inimiga Yolanda (Vera Holtz), a quem chama de Boi, que – ela jura – roubou todos os seus namorados da juventude.

Em sua casa, onde mora com as duas filhas, Celeste (Giovana Zotti) e Norma (Danielle Winits), e com o neto Roblou (Daniel Rangel), ela é a dona da primeira e última palavra. E ai daqueles que ousarem contrariá-la: para estes, a fama de grande atiradora é zelada constantemente.

Sua mais recente determinação é vencer a eleição e tomar da Boi o posto de presidente da associação de moradores. O motivo da candidatura, segundo ela, é conseguir dar andamento às obras de cobertura da vala com esgoto a céu aberto que divide ao meio a rua Tudor Afogado, onde a narrativa se passa. Mas todos sabem que este é só um pretexto para tirar tudo o que pode de sua rival.

Veja toda a história aqui.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio