Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Desafio

Juliana Paes tem desafio gigante ao viver Maria Marruá no remake de Pantanal

Atriz encarna personagem eternizado por Cassia Kis na versão original da novela

Publicado em 13/02/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Maria Marruá, personagem emblemática, vivida por Cassia Kis na versão original de Pantanal em 1990 na Rede Manchete, estará de volta à tela no remake da telenovela, mas desta vez encarnado por Juliana Paes. A trama está prevista para estrear em março e a escolha de alguns nomes do novo elenco dá indícios do que podemos esperar.

Analisando a escolha de Juliana Paes para o papel de Maria Marruá, de cara nos passa a impressão que o personagem vai apelar para a sensualidade e beleza da atriz, que apesar de ser excelente profissional e já ter provado que não é apenas um rosto e corpo bonitos, tem sua figura sempre atrelada a este estereótipo.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

A Maria Marruá vivida por Cassia Kis há 32 anos não era uma mulher simplesmente sensual, pelo contrário, era rústica, selvagem, quase um animal indomável, que inclusive virava onça e encantava o público com sua bravura. Na época, Cassia estava com 32 anos, 10 a menos que Juliana tem atualmente. Mas ela não era e nunca foi um símbolo sexual e de beleza, mas sim construiu uma carreira baseada em grandes interpretações que fizeram dela uma das maiores atrizes brasileiras.

Cristiana Oliveira (Juma Marruá) e Cassia Kis (Maria Marruá) (Reprodução)

Antes de saber quem seria a nova Marruá, Cassia deu sua opinião sobre a possível escolha em entrevista ao Extra. “Há atrizes que gosto muito, mas há uma característica importante ali (pausa)… A vaidade atrapalha bastante o ator, é seu inimigo principal. Têm artistas que passam a vida em campanha de xampu. É preciso estar disponível para aquele lugar. Não dá para ir para o Pantanal querendo tampar picada de mosquito”, reforçando que se despir da vaidade é imprescindível para viver Maria Marruá.

Como disse e repito, Juliana Paes já provou ser uma grande atriz, interpretou personagens de diversas facetas e pode sem dúvida dar vida a sua própria Maria Marruá, sem nos fazer sentir saudade da antiga, tão fortemente marcada por Cassia. Embora a própria Juliana já tenha afirmado que o fato de Maria ter sido vivida por Kis a fez ter ainda mais interesse em aceitar o desafio.

“Eu sou tão fã da Cássia! Já tive a oportunidade de falar isso para ela. Por isso, falei: ‘Óbvio que eu vou aceitar esse desafio’, porque quando é uma personagem que já foi vivida por alguém e por alguém de quem você é tão fã, tão apaixonado, vira um desafio em dobro. Eu me senti muito lisonjeada, desafiada e com muita vontade de fazer essa Maria Marruá”, declarou a atriz ao GShow.

Maria Marruá (Juliana Paes) e Juma (Allanis Guillen) em Pantanal (Reprodução/Globo)

As primeiras imagens de Juliana como Maria nos mostra uma mulher pantaneira, desprovida de vaidade, guerreira, mas ao mesmo tempo nos leva para o arcabouço sensual que temos na memória de personagens vividos por Paes, a começar pela primeira, Ritinha de Laços de Família, passando por Creusa de América, Maya de Caminho das Índias, Gabriela, Fabiana (Bibi Perigora) de A Força do Querer e a mais recente Maria da Paz de A Dona do Pedaço.

Não esperamos um desempenho abaixo do que já sabemos que Juliana Paz é capaz, mas ao mesmo tempo queremos ver nela uma vertente ainda pouco explorada, mostrar que aos 42 anos está madura e pode dar vida a uma personagem tão forte, tão guerreira quanto Cassia nos deu na versão original de Pantanal.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....