Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Sofrimento

Bomba: Passado de Juma vem à tona em Pantanal: “Gemêno de dor, coitada”

Trama de Bruno Luperi ficará no ar até o dia 14 de outubro

Publicado em 07/07/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Pantanal tem feito um grande sucesso na programação do plim-plim. E para não perder o costume, a coluna revela tudo o que vai acontecer nos próximos capítulos da novela de Bruno Luperi.

Em cenas que vão ao ar a partir da próxima semana em Pantanal, Velho do Rio (Osmar Prado) confessará para Juma (Alanis Guillen) que ele presenciou o nascimento dela. Lembro como se fosse hoje… Eu tinha virado sucuri e tava c’uma fome braba. Vinha me arrastâno, assim, pela bêra d’água atrais d’uma capivara que tava distraída, quando, de repente, vi Maria chegá, de bucho cheio, gemêno de dor, coitada. Tua mãe gemia de dor e falava sozinha, gritâno pro céu cum tanta réiva, que eu me encolhi… Fiquei só olhâno…Ela te trouxe ao mundo c’as própria mão…”, pontuará o avô de Jove (Jesuíta Barbosa) deixando Juma mexida com a historia.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Lembrando que o protetor do rio enfatizará que Maria Marruá (Juliana Paes) foi uma guerreira de seu tempo.Rancô no dente o cordão que ligava ocês duas, ergueu ocê nos braço e falo assim: ‘É minina… Antes que eu queria tanto tê uma… E ocê só me chega agora’. Ela te embrulho nuns trapo, boto na canoa, e largo a canoa, rio abaixo… Como se tivesse largâno o destino das duas… Ali, Juma… Naquele dia… Naquela bêra de rio em que ocê nasceu, nasceu Maria Marruá”, concluirá a entidade surpreendendo a menina-onça que estará gerando o seu primeiro filho nesse momento da história.

Alanis Guillen vive Juma em Pantanal

Pantanal é escrita por Bruno Luperi, baseada na novela original escrita por Benedito Ruy Barbosa. A direção artística é de Rogério Gomes, direção de Walter Carvalho, Davi Alves, Beta Richard e Noa Bressane. A produção é de Luciana Monteiro e Andrea Kelly, e a direção de gênero é de José Luiz Villamarim.

Leia outras matérias desse colunista CLICANDO AQUI.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....