Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
PREMIAÇÃO

Stranger Things: Nova Meryl Streep ou não, Sadie Sink entra na corrida do Emmy

A intérprete de Max é nome forte para concorrer à estatueta de melhor atriz coadjuvante de série dramática

Publicado em 11/06/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Chamou a atenção o elogio que Winona Ryder fez a Sadie Sink antes mesmo da quarta temporada de Stranger Things estrear. Em entrevista ao site E! News, a estrela hollywoodiana disse: Sadie Sink vai ser a próxima Meryl Streep. Verdade ou não, fato é que a jovem brilhou na nova leva de episódios do drama sobrenatural e entrou de vez na corrida ao Emmy de melhor atriz coadjuvante em série dramática.

Após ver o primeiro volume da quarta temporada (sete episódios), lançado na Netflix no último dia 27, dá para entender porque Winona Ryder enalteceu Sadie Sink. A intérprete de Max roubou a cena, principalmente no quarto episódio, com atuação cativante e emocionante.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Sem dar spoilers, Sadie Sink foi ao extremo com Max no ponto mais importante da jornada da personagem, central no desenvolvimento da trama como um todo. De tabela, ela acabou sendo associada ao fenômeno que resgatou a música Running Up That Hill, da cantora britânica Kate Bush, que 37 anos após o debute voltou às paradas de sucesso.

Natural do Texas (EUA), a jovem atriz acabou de completar 20 anos, em abril. Ela iniciou a atuação bem cedo, no teatro, em 2011. Stranger Things é o primeiro grande trabalho da carreira, presente na história desde a segunda temporada. Antes, ela apareceu em episódios das séries The Americans, Blue Bloods e Unbreakable Kimmy Schmidt.

Max entrou de mansinho em Stranger Things e logo conquistou o público ao fazer amizade com Eleven (Millie Bobby Brown), engatar uma paquera/romance com Lucas (Caleb McLaughlin) e ser meia-irmã de Billy (Dacre Montgomery), personagem crucial da terceira temporada.

Panorama do Emmy

Pensando em inscrição no Emmy, o quarto episódio de Stranger Things 4 é realmente o que dá a maior chance de Sadie Sink ser indicada. Ela foi a protagonista da narrativa e, sem dúvida, merece ser considerada. O detalhe é analisar quem também está na briga.

Millie Bobby Brown é uma concorrente de peso, por exemplo, resultando aí em uma disputa interna; na pele da icônica Eleven, ela conseguiu duas indicações ao Emmy (2017 e 2018). Nomes do nível de Rhea Seehorn (Succession), Julia Garner (Ozark) e Patricia Arquette (Ruptura) estão de olho em uma vaga, até mesmo na conquista do prêmio.

Confira abaixo o panorama completo dos nomes mais fortes na corrida por indicação ao Emmy de melhor atriz coadjuvante de série dramática:

Favoritas
Sarah Snook (Succession)
Rhea Seehorn (Better Call Saul)
Julia Garner (Ozark)
Christina Ricci (Yellowjackets)
Jung Ho-yeon (Round 6)
Patricia Arquette (Ruptura)
Sydney Sweeney (Euphoria)
Sadie Sink (Stranger Things)

Melhor atriz fora do top 8
J. Smith Cameron (Succession)

Grandes chances
Millie Bobby Brown (Stranger Things)
Susan Kelechi Watson (This Is Us)
Yuh Jung Youn (Pachinko)
Maude Apatow (Euphoria)
Christine Baranski (A Idade Dourada) ⬩

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....