Busca implacável

Vai na Fé: Orfeu tenta impedir Theo de fugir do país: “Indo embora sem se despedir?”

Padrinho de Hugo paga caro por seu desejo de vingança

Publicado em 10/08/2023

No que depender de Orfeu (Jonathan Haagensen), Theo (Emílio Dantas) não sairá impune pelos muitos crimes que cometeu. No penúltimo capítulo de Vai na Fé, o padrinho de Hugo (MC Cabelinho) vai se encarregar pessoalmente de impedir a fuga do ex-marido de Clara (Regiane Alves).

Tudo começa quando, após conseguir despistar a polícia no aeroporto do Rio de Janeiro, Theo resolve embarcar disfarçado em um navio para deixar o país. Ao saber o que o ex-sócio pretende fazer, Orfeu não tem dúvidas e decide ir até o porto, de arma em punho, para impedi-lo de embarcar.

Eu vou fazer sozinho o que a Justiça não conseguiu fazer!“, afirma o foragido. Enquanto, Theo tinge os cabelos de preto com a ajuda de um capanga, a fim de dificultar o próprio reconhecimento. “Tem certeza que essa gororoba sai do cabelo?“, questiona, vaidoso, o pai de Rafa (Caio Manhente).

Quando ele está prestes a entrar no navio, surpreende-se ao ser abordado por Orfeu. “Estava indo embora sem se despedir, Theo?“, ironiza o ex-presidiário. Num impulso, Theo sai correndo em disparada, mas o padrinho de Hugo corre de volta atrás dele e consegue alcançá-lo.

Os dois entram em luta corporal e, em certo momento, o ex-melhor amigo de Ben (Samuel de Assis) leva a melhor, conseguindo tomar para si o revólver de Orfeu. Este ainda tenta se defender, mas é em vão: Theo atira sem piedade contra o ex-sócio, que cai morto e ensanguentado.

© 2024 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade