O Sétimo Guardião: Luz pressiona Judith por verdade

Publicado há 2 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em O Sétimo Guardião, na Globo, Judith (Isabela Garcia) receberá a visita de Luz (Marina Ruy Barbosa). A protagonista vai questioná-la sobre o mistério do casarão que foi de Egídio (Antônio Calloni). A governanta tentará se esquivar, mas será pressionada pela mocinha. Confira.

“Não sei o que o Gabriel lhe contou. Mas quando ele voltou aqui depois de saber que era filho do seu Egídio eu não proibi de entrar. Fiquei incomodada com a visita, porque já era tarde. E ele só não ficou mais tempo porque teve um apagão na casa. Instalação antiga, sabe como é… Faltou luz! Depois disso ele não voltou”, falará Judith.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Valentina se abala e chora após brigar com Gabriel, em O Sétimo Guardião, na Globo

“Não voltou porque não se sentiu bem-vindo”, rebaterá Luz. “Não dei razão para ele se sentir assim”. “Claro que deu! Mostrou má vontade. Eu vim aqui pra ter uma conversa franca. Gabriel só quer saber mais sobre o pai dele! Quem melhor do que você pra falar sobre seu Egídio?”, indagará. “Eu posso fazer isso. A gente marca um dia, ele me faz perguntas e eu respondo. Agora você vai me dar licença. Ainda nem botei comida pro León e ele deve estar com fome!”, concluirá Judith.

Ainda em O Sétimo Guardião

Em O Sétimo Guardião, Luz recebeu uma proposta para trabalhar na nova biblioteca de Serro Azul. No entanto, esse é um artifício de Júnior (José Loreto), que é o secretário de Educação e Cultura e quer tê-la por perto. Apesar de recusar a oferta em um primeiro momento, após uma conversa com Sóstenes (Marcos Caruso), ela prometerá pensar sobre o tema. Confira.

“Não vou aguentar isso, vô! Ficar com o Júnior colado no meu cangote, me sufocando, na casa que é, por direito, do Gabriel, não dá!”, afirmará Luz. “Se está assim por causa do Gabriel, estou certo que ele tem maturidade pra entender a situação e te dar todo apoio”, rebaterá Sóstenes. “Não é só por causa dele. É por mim. Isso é um abuso, vô! A ideia da biblioteca é ótima, o problema é que não é nas pessoas de Serro Azul que Júnior está pensando…”, explicará.

“Meu conselho é que não se precipite, não peça exoneração. Aceite o desafio. Afinal, você adora os livros!”. “Isso é só pretexto, é a isca que o Júnior inventou para tentar me capturar”. “E acaso você é mulher de se deixar apanhar? Cabe a você colocar o Júnior no seu devido lugar, impondo seus limites”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio