No Marrocos, vários personagens enfim verão Leo, o clone

O filho de Deusa deixa estarrecidos todos os que o veem, sem entender sua semelhança com Lucas

Publicado há 6 meses
Por Fábio Costa
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Edvaldo Leandro, ou Leo (Murilo Benício), como o rapaz é mais comumente chamado, em breve será conhecido por várias pessoas em O Clone. Ou melhor, algumas até já o conhecem, mas não sabem que ele é uma “cópia” de Lucas (também Murilo Benício).

Albieri (Juca de Oliveira) viajou com o Marrocos na companhia do afilhado que o chama de pai, a fim de apresentá-lo a seu grande amigo Ali (Stênio Garcia) e falar de sua experiência revolucionária.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Muito religioso e respeitador das leis do Alcorão, Tio Ali fica em choque ao ver Leo, que é idêntico a Lucas, só que com idade para ser filho dele, claro.

O patriarca muçulmano acredita estar diante de uma entidade sobrenatural, um gênio ou coisa do tipo. Toca em Leo repetidas vezes para ter certeza de que não se trata de uma ilusão.

Além do Tio Ali, Yvete (Vera Fischer) também verá Leo. Mas outra pessoa terá um grande choque ao ver o rapaz. Claro que falamos de Jade (Giovanna Antonelli).

A cena em que Jade e Leo se veem pela primeira vez é muito semelhante à do primeiro encontro dela com Lucas, anos atrás. Dançando numa sala da casa do Tio Ali, Jade se vê sendo admirada por aquele que se deslumbra ante sua imagem e derruba o véu.

Extasiado, Leo reconhece em Jade a mulher que sempre vira em seus sonhos, sem que compreendesse o porquê disso.

Antes do Tio Ali, outro amigo de Albieri soube da experiência da clonagem humana feita por ele. O Padre Matiolli (Francisco Cuoco) foi procurado pelo cientista para um desabafo desesperado, na falta de Ali.

Como se sabe, Stênio Garcia teve dengue hemorrágica na época prevista para gravação e exibição dessas cenas da revelação do clone por Albieri. Na história, a autora Glória Perez justificou a ausência do ator com uma viagem do Tio Ali a Foz do Iguaçu, maior reduto muçulmano no Brasil.

O Clone foi exibida originalmente pela TV Globo entre outubro de 2001 e junho de 2002, às 21h. No Viva, a novela vai ao ar de segunda a sábado, às 23h, com horário alternativo às 13h30 e maratona dos capítulos aos domingos, a partir das 19h.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio