Lucas Chumbo conta sua experiência no No Limite: “Virei um menino Mogli ali na selva”

Sobrevivente relata memórias e experiências vividas na Praia Brava

Publicado em 28/5/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O No Limite está na reta final das suas gravações, deixando apenas a grande final como surpresa. Com isso, alguns participantes já começaram a aparecer e dar entrevistas sobre o período em que passaram lutando pela sobrevivência na Praia Brava.

Lucas Chumbo foi entrevistado pelo Gshow e revelou alguns detalhes da sua participação. Para ele, manter o corpo e mente são era uma maneira de não desistir do programa: “Tenho que me manter conectado com o meu corpo. Ali, no reality, senti muitas vezes o meu corpo no limite e eu tinha que alongar, aquecer, fazer ele voltar a funcionar 100%”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Além disso, muito emotivo, ele revelou que ficou chateado por ter votado em Ariadna: “Eu estava muito triste em ter que votar em uma pessoa que gosto muito e que no jogo estava muito amarradão em estar ali, em ter no time. Mas eu sabia que, em questão de performance para o time, ela não era a melhor pessoa. Todo mundo já a tinha em mente. Foi meio que unânime isso”.

Mas, apesar disso, ele diz que vai lembrar de muita coisa boa, como subir em coqueiros: “Falo que virei um menino Mogli ali na selva, um Tarzan. Estava muito feliz. O No Limite foi sonho com pesadelo o tempo inteiro”, além das surpresas não muito agradáveis: “Nunca pensei que eu ia ter hipotermia no Nordeste brasileiro. Nunca pensei que eu fosse passar tanto frio aqui no Brasil”.

A cobertura completa de No Limite você confere no Observatório da TV e em nosso canal no Youtube

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio