Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Complicações de AVC

Jornalista e cineasta Arnaldo Jabor morre aos 81 anos

Cronista integrava o Jornal da Globo

Publicado em 15/02/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Morreu na madrugada desta terça-feira (15), aos 81 anos, o jornalista e cineasta Arnaldo Jabor. Ele estava internado desde 17 de dezembro no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, após um acidente vascular cerebral. Segundo a família, ele faleceu por volta da meia-noite, em decorrência de complicações do AVC.

Arnaldo Jabor teve uma extensa carreira dedicada ao cinema, à literatura e ao jornalismo e conquistou diversos prêmios. Para as telonas, dirigiu sete longas, dois curtas e dois documentários. Também era cronista.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Segundo informações do G1, em 1991, passou a escrever crônicas para jornais e também a fazer comentários políticos em programas da Globo, como Jornal Nacional, Bom Dia Brasil, Jornal Hoje, Fantástico, além da rádio CBN. Nas últimas décadas, esteve no Jornal da Globo.

Entre os destaques de sua trajetória está Eu Sei Que Vou Te Amar (1986), indicado à Palma de Ouro de melhor filme do Festival de Cannes. Seu primeiro longa foi Opinião Pública (1967), documentário sobre como o brasileiro olha sua própria realidade.

Fez grande sucesso com Toda Nudez Será Castigada, adaptação da peça homônima de Nelson Rodrigues que venceu o Urso de Prata no Festival de Berlim em 1973.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....