Incêndio de Museu Nacional afeta novela da Globo; entenda

Publicado há 2 anos
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na noite do último domingo (2), um incêndio atingiu o Museu Nacional, no Rio de Janeiro, o que resultou na destruição de um acervo grandioso sobre a história mundial e principalmente do Brasil, o que acabou afetando uma produção que ainda será lançada pela TV Globo.

Leia: Mesmo com vários apresentadores em seu cast, Globo escala atores para a função

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Segundo a colunista Patrícia Kogut, Tereza Falcão e Alessandro Marson, autores que escreveram Novo Mundo (2017) e que estão desenvolvendo um novo enredo sobre D. Pedro II e a imperatriz Teresa Cristina, realizavam pesquisas para o folhetim no local.

Saiba mais: Filha de Silvio Santos se surpreende com atitude da Globo e resolve se manifestar

Vale lembrar que outros personagens históricos terão destaques na atração, como as princesas Isabel e Leopoldina, e seus maridos, Conde d’Eu e Augusto. Vinícius Coimbra será o responsável pela direção.

Homem invade link de telejornal da Globo para protestar contra a emissora

A saber, na edição desta segunda-feira (3) do RJ1, informativo da TV Globo exibido na parte da manhã no Rio de Janeiro, a repórter Mariana Gross foi surpreendida enquanto realizava a cobertura sobre o incêndio que tomou conta do Museu Nacional.

A profissional entrevistava ao vivo uma ex-estudante que iria começar a trabalhar no local, quando de repente um senhor invadiu o link e surpreendentemente começou a criticar a emissora.

“A Globo apoiou o teto do gasto contra a cultura e contra a educação”, declarou inesperadamente o homem. “Senhor, eu estou trabalhando… Obrigado, senhor”, disse Mariana, seguindo depois normalmente com a entrevista. Na web, o momento repercutiu.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio