CONTOU TUDO!

Ex-repórter da TV Globo, Eduardo Tchao revela forma constrangedora de sua demissão do canal: “Me chamaram no meio da matéria para ser demitido”

Profissional do jornalismo investigativo deixou a emissora após 37 anos como contratado

Publicado em 25/05/2023

Nesta quinta-feira (25), o ex-repórter da TV Globo, Eduardo Tchao, que foi um dos símbolos do jornalismo investigativo da emissora carioca, se manifestou sobre o seu desligamento da empresa após 37 anos como contratado do canal. Em entrevista ao podcast Cara a Tapa, o jornalista afirmou que não tem fórmula para ser demitido da Globo e que os diretores citaram seu salário como um dos motivos.

“Me chamaram pessoalmente e falaram sobre esse ‘novo projeto da Globo. Eu só achei um pouco chato a forma como foi. Eu estava fazendo uma matéria, estava dando um furo jornalístico, e foi uma situação constrangedora porque me chamaram no meio da matéria, para eu largar matéria e ser demitido. Você fica com o pé atrás, como muitos, que pode acontecer alguma coisa”, contou ele em seu desabafo.

Eduardo Tchao enfatizou que estava realizando uma grande matéria investigativa quando o chamaram para conversar. “Eu ia fazer minha passagem, aí quando falaram ‘vem, querem fazer uma reunião com você’, falei ‘a casa caiu’. Aí nesse momento eu ia fazer uma matéria sobre grandes empresários do Leblon que estavam sendo assaltados por paulistas. A matéria ia ficar boa demais”, relatou o profissional.

Ainda no bate-papo, o jornalista conta que decidiu abandonar a matéria que estava sendo gravada e explicar o motivo do ocorrido para as pessoas que o guardavam para entrevistá-las. “Chamei uma senhora que ia falar comigo, falei: ‘senhora, agradeço, tô sendo demitido’… Foi constrangedor. Voltei pra redação, aquele clima de velório”, revelou Eduardo Tchao.

© 2024 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade