Diretora da Divisão de Polícia de Atendimento à Mulher abre ocorrência contra Marcos

Publicado há 4 anos
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após ter visto imagens dos desentendimentos entre Marcos e Emilly no Big Brother Brasil 17, Marcia Noeli Barreto, diretora da Divisão de Polícia de Atendimento à Mulher do Rio (Deam), ordenou um registro de ocorrência contra o médico.

“A delegada da Delegacia da Atendimento à Mulher de Jacarepaguá, Viviane da Costa Ferreira Pinto, vai acompanhar o caso e solicitar à emissora as imagens de toda confusão para que a gente possa ver se houve lesão corporal. Pelo menos é o que ela [Emilly] diz. Esse caso não pode ficar sem ser apurado”, afirmou a profissional ao jornal Extra.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Marcia ainda enfatizou que a tortura psicológica que o cirurgião plástico fez conta Emilly é considerada violência doméstica. “Se enquadra na Lei Maria da Penha. É assim que tudo se inicia. Ele não a ameaçou de morte, por exemplo, mas houve constrangimento tão forte, que ela ficou acuada”, concluiu.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio