Cíntia sobrevive a incêndio, mas fica desfigurada

Publicado há um ano
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O castigo de Cíntia (Susana González) será muito pior do que a vilã poderia imaginar. Ela até sobreviverá ao incêndio que provoca no último capítulo de A Que Não Podia Amar – e no qual ficou presa graças a Bruno (Julián Gil) -, mas terá de encarar o desgosto de ver o próprio rosto completamente desfigurado pelas chamas.

Trancada no escritório incendiado de Rogério, Cíntia acabará tendo seus gritos ouvidos por Marquinho (Juan Bernardo Flores). O menino então corre para avisar a Maria (Ana Martín) e a Hugo (Uriel del Toro), que consegue resgatar a ex-esposa de Gustavo (José Ron) ainda com vida do desastre.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mesmo gravemente hospitalizada, Cíntia não perde a pose. Ela contraria as ordens médicas e, trancada no banheiro, tira todas as ataduras de seu rosto para ver quão prejudica sua aparência ficou em decorrência das queimaduras.

O resultado, porém, não poderia ser mais desolador: a irmã de Rogério fica tão desesperada com o que vê que quebra com as próprias mãos o espelho diante de si, enquanto grita de pavor e de desespero.

Mais Informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos de A Que Não Podia Amar

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV Globo, SBT, Record TV e Band.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais