Shippadíssimos: os melhores casais de 2019 nas novelas

Publicado há 9 meses
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Uma boa novela pede uma boa história de amor, não é mesmo? Desde os primórdios do gênero, não há nada para prender o público diante da TV como a torcida por aquele casal que faz a gente se emocionar e, quem sabe, até sonhar com um romance igual… Em pleno 2019, vemos que essa tendência não mudou nada: em todos os horários e emissoras, os telespectadores sofreram e se empolgaram com as idas e vindas de seus pares favoritos nos folhetins. Por isso, o Observatório da Televisão vem relembrar os melhores casais de 2019 nas novelas. Bora conferir?

Chiclete (Sérgio Guizé) e Vivi (Paolla Oliveira), de A Dona do Pedaço

Eles não eram os protagonistas, mas bastava aparecerem em cena na trama de Walcyr Carrasco para a audiência – e as redes sociais – fervilharem. O público se apaixonou pela história do matador de aluguel que caía de amores pela própria ‘encomenda’ e acabava, em nome desse amor, alcançando a redenção.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nem mesmo as maldades de Camilo (Lee Taylor), tampouco a polêmica em torno de uma certa ‘romantização da violência’ que os mais críticos enxergaram na história do casal, foram capazes de impedir que Vivi e Chiclete se tornassem o casal mais marcante da TV brasileira em 2019.

Paloma (Grazi Massafera) e Marcos (Rômulo Estrela) em Bom Sucesso (Reprodução/TV Globo).

Paloma (Grazi Massafera) e Marcos (Rômulo Estrela), de Bom Sucesso

Poucas heroínas tiveram o ‘passe’ tão disputado nas novelas como Paloma. Primeiro, a volta do ex-namorado Ramon (David Júnior); depois, a sedução de Marcos; e, por fim, a amizade com Alberto (Antonio Fagundes) inesperadamente convertida em paixão – ao menos da parte dele.

Mas não tem para ninguém: basta a cuidadora e o bon vivant redimido se aproximarem em cena para a telinha e os olhos dos espectadores se encherem de emoção. Se os pombinhos terão final feliz? É aguardar até janeiro, quando a trama acaba, para ver o que os autores Rosane Svartman e Paulo Halm reservam ao público.

Nana (Fabiula Nascimento) e Mario (Lúcio Mauro Filho) em Bom Sucesso (Divulgação/TV Globo).

Nana (Fabíula Nascimento) e Mário (Lúcio Mauro Filho), de Bom Sucesso

Fora da trama principal, uma outra história de amor vem ganhando destaque aos olhos da audiência das 19h. Nana demorou muito para perceber que o marido, Diogo (Armando Babaioff), é um completo mau caráter; mas, à medida que vai se dando conta de quem o vilão realmente é, a filha de Alberto vai abrindo seu coração para o amor sincero que o amigo de infância, Mário, dedica-lhe há tantos anos. Nas redes sociais, não há quem não vibre a cada nova aproximação de ‘Nanário’! Com toda a certeza, um dos melhores casais de 2019.

Camila (Anaju Dorigon) e Valéria (Bia Arantes), de Órfãos da Terra: entre os melhores casais de 2019, a representatividade LGBT

A trama das 18h já estava bem avançada quando as autoras Thelma Guedes e Duca Rachid resolveram redimir duas de suas vilãs e transformá-las num inesperado casal lésbico. Mas não é que elas acertaram em cheio? O público se enamorou a tal ponto da história de ‘Vamila’ que as ‘pombinhas’ ganharam até casamento na trama, de véu e grinalda! Viva a representatividade!

Larissa (Marina Moschen) e Diego (Sérgio Malheiros) de Verão 90 (Divulgação/TV Globo)

Larissa (Marina Moschen) e Diego (Sérgio Malheiros), de Verão 90

Eles começaram como uma subtrama tímida, mas fizeram tanto sucesso que acabaram ganhando espaço maior na trama de Verão 90. Separados ora pelas diferenças sociais, ora pelas intrigas de Mercedes (Totia Meirelles) e Vanessa (Camila Queiroz), Larissa e Diego mostraram que os preconceitos alheios não importam quando o amor é verdadeiro. Um dos melhores casais de 2019 nas novelas, vaga garantida!

Sophia (Camila Rodrigues) e Antônio (Felipe Cunha) em Topíssima (Reprodução/Record TV).

Sophia (Camila Rodrigues) e Antônio (Felipe Cunha), de Topíssima: um dos melhores casais de 2019

Ela, uma dondoca de nariz empinado, em busca de mais poder nos negócios da família. Ele, um taxista trabalhador e de cara amarrada, com o coração partido pelo assassinato de sua noiva às portas do altar. Estava aí a receita para fazer da história de Sophia e Antônio um romance inesquecível, um dos melhores casais de 2019 nas novelas. Entre tapas e beijos, os dois fizeram a cabeça da audiência da Record TV – e certamente vem mais por aí, porque Topíssima 2 já está a caminho!

Ana Brenda Contreras e Jorge Salinas como Ana Paula e Rogério em A Que Não Podia Amar (Reprodução / Televisa)

Ana Paula (Ana Brenda Contreras) e Rogério (Jorge Salinas), de A Que Não Podia Amar

E, por falar em tapas e beijos, esse também foi o mote – com uma carga dramática bem maior, é verdade – desta trama mexicana que deu o que falar nas tardes do SBT. Contratada para trabalhar como cuidadora do fazendeiro Rogério Monteiro, a enfermeira Ana Paula chocou-se imediatamente com a personalidade amarga e agressiva do patrão. Pouco a pouco, no entanto, essa profunda antipatia de ambas parte deu lugar a uma bela e inesperada história de amor – que vilões como Cíntia (Susana González) e Bruno (Julián Gil) fizeram de tudo para atrapalhar.

Mirela (Larissa Manoela) e Luca Tuber (João Guilherme) (SBT)

Mirela (Larissa Manoela) e Luca (João Guilherme Ávila), de As Aventuras de Poliana: claro que um dos melhores casais de 2019 tinha que ser teen

Ex-namorados na vida real, Larissa Manoela e João Guilherme levaram um pouco do romance que já haviam vivenciado, em 2016, para seus personagens nesta história infantojuvenil que é sensação no SBT. Os fãs, é claro, adoraram conferir o ‘remember de mentirinha’. E até quem não shippava o casal das antigas se viu torcendo pelo romance da espevitada Mirela com o exibido Luca Tuber.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais