Pablo Alborán, intérprete da trilha de A Que Não Podia Amar, revela ser homossexual

O cantor de origem Málaga vivia cercado de rumores sobre o assunto

Publicado há 2 meses
Por Cadu Safner
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O cantor espanhol Pablo Alborán, popular no Brasil após interpretar músicas que integraram a trilha sonora do sucesso A Que Não Podia Amar, no SBT, surpreendeu a todos ao se assumir homossexual. A informação foi dada por ele mesmo na manhã desta quarta (17) através de um vídeo publicado em sua conta no Instagram.

Com o registro revelador e íntimo Alborán disse estar buscando dar passos em direção à sua felicidade, reconhecimento e sentimento de satisfação consigo mesmo. “Estou aqui para dizer que sou gay“, diz ele ao iniciar o vídeo, que em uma hora acumulou quase 200.000 curtidas e centenas de comentários.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O cantor de origem Málaga demonstra paz ao dar a notícia e acalma os fãs. “Eu sempre lutei contra qualquer expressão que vá contra qualquer liberdade e ódio, hoje eu quero que meu grito fique mais alto e tenha mais valor e peso. Sou gay e nada acontece, a vida continua a mesma, eu precisava ser um um pouco mais feliz do que ele já era, muitas pessoas supõem, sabem ou simplesmente não se importam.”

O cantor teve Solamente Tu como o tema principal de Ana Paula e Gustavo em A Que Não Podia Amar. Em recentemente parceria com o colombiano Camilo Echeverry eles lançaram na semana passada a música El misma aire.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais