Betina se revolta com a possível compra da Criotec: “É uma empresa deficitária”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos de O Tempo Não Para, Betina (Cleo) irá descobrir que foi voto vencido no conselho da Samvita para a aquisição da Criotec. Mas a vilã não se fará por vencida. Ela mostrará para os acionistas da empresa, um vídeo no qual aparece um hacker falando absurdos da Criotec. “A aquisição da Criotec foi aprovada. Por sete votos a dois”, dirá um dos acionistas para Betina.

A empresária responderá a altura. “Vocês vão se arrepender… A Criotec é uma empresa deficitária. Que investe numa pesquisa que não tem nenhum fundamento”, relatará a jovem. Mas outro acionista confessará que a empresa tem tudo para progredir durante os anos. “Desde que os congelados foram encontrados, a criogenia passou a ser estudada com mais profundidade… por quem antes julgava o assunto uma maluquice”, pontuará. “Vocês só não podem esquecer que gelo derrete”, relatará Betina. Mas Carmen (Christiane Torloni) amenizará a piada. “O seu trocadilho é bom, Betina, mas acho melhor formalizar a proposta”, relatará a mãe de Samuca.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Marocas convence a mãe a ir embora da casa de Eliseu, em O Tempo Não Para, na Globo

Remando contra a maré

Betina mostrará o vídeo para os acionistas e dirá que a Criotec sofreu um atentado – armado por ela. Mas Samuca amenizará o estrago e convencerá os investidores a fechar o acordo de compra da empresa especializada em criogenia. “Senhoras… senhores… Vocês vão se deixar influenciar por um grupo de terrorismo virtual, que não revela o rosto jamais, que ataca a esmo, cuja única intenção é criar pânico, instaurar o caos?… É isso que eles querem… Nos intimidar”, concluirá o jovem. Mesmo com o esforço de Betina de remar contra, a maioria dos acionistas ficarão ao lado de Samuca, em prol da compra da Criotec.

O Tempo Não Para é uma novela escrita por Mario Teixeira, com colaboração de Bíbi Da Pieve, Marcos Lazarini e Tarcísio Lara Puiati, com direção artística de Leonardo Nogueira e direção geral de Marcelo Travesso e Adriano Melo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio