Na Dança do Famosos, Erika Januza diz apostar no funk: “Terei uma desenvoltura melhor”

Publicado há 2 anos
Por Leandro Lel Lima
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Elogiada por seu desempenho em O Outro Lado do Paraíso, a atriz Erika Januza está ansiosa para encarar mais um desafio em sua carreira: competir na 15ª temporada da Dança dos Famosos.  No tradicional quadro do Domingão do Faustão, Erika forma par com o professor Elias Ustariz.

E no próximo dia 26/08 realizará a sua primeira apresentação. Na tarde do último domingo, (19) em São Paulo, a atriz bateu um papo com o Observatório da Televisão e contou sobre os preparativos e os ensaios para as apresentações.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Principal dificuldade

“Memorizar os passos (risos). É o principal. Lembrar do que vem depois, executar e realizar com precisão”.

Ansiedade

“Ter que estar calma, controlar a ansiedade… Tem júri, programa ao vivo. Dança é diversão. Ensaiar me deixa muito feliz. Tem ali uma pressão do ao vivo”.

Lidando com as críticas

“Sou muito exigente.  Eu gosto de ouvir críticas. Eu não digo só pra dança, é pra vida. A crítica te levar para algum lugar”.

Time unido

“Não tem uma torcida só pra um. Somos um time muito unido. Está todo mundo torcendo por todo mundo”.

Objetivo

“Ser reconhecida como uma boa atriz é meu objetivo de vida”.

Ritmo

“Dizer que domino é complicado. Eu acredito que com o funk eu tenha uma desenvoltura melhor. Já dancei funk sozinha, agora a dois… Vamos ver o que vai acontecer”.

Desafios

“O restante é dificuldade: tango, passo doble. Acho que o tango vai ser o mais difícil porque precisa ter bastante técnica e é bem coreografado”.

Ensaios

“Todo mundo tem duas horas pra estudar. Então é isso. Tenho dores em partes do corpo que eu nem sabia que existiam! É um desafio, até mesmo de disciplina”.

Novos projetos

“Podemos falar sobre isso mais pra frente? (risos)”.

O Outro Lado do Paraíso e o reconhecimento do público 

“Diariamente. Essa personagem atingiu públicos diversos e da importância que ela teve: inspirações, muitos advogados vieram falar comigo”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio