Monica Iozzi ‘matou’ o Vídeo Show e não repetiu sucesso em Vade Retro

Publicado há 4 anos
Por Endrigo Annyston
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No ano passado, Monica Iozzi causou barulho ao anunciar sua saída do Vídeo Show, motivada pela desejo de focar na carreira de atriz.

A atitude da ex-CQC pegou meio mundo de surpresa. Como uma profissional que conseguiu tornar o vespertino novamente atrativo, sacudindo as redes sociais e abastecendo o noticiário, poderia deixar um projeto de sucesso?

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Monica insistiu e acabou substituída por Maira Charken, que foi rejeitada e convidada a se retirar da atração com uma desculpinha esfarrapada. De lá para cá, muita gente passou pelo Vídeo Show, mas o programa voltou a ter problemas de audiência e repercute muito pouco.

Da mesma forma, Vade Retro, que marcou a primeira protagonista de Iozzi, Celeste. A série não cativou os telespectadores e, pior, a Globo desistiu da atração no meio do caminho.

Com baixos índices, Vade Retro teve que trocar de horário com Os Dias Eram Assim. O canal sequer deixou no ar a possibilidade de uma segunda temporada, anunciando para esta semana o “último capítulo” do enredo.

Ou seja, Monica Iozzi pode estar satisfeita profissionalmente, porém, neste primeiro momento, o rompimento não rendeu sucesso nem para ela, nem para o Vídeo Show.

Monica Iozzi e Maria Casadevall vão estrelar filme baseado em quadrinhos

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio