Curiosidades da TV

Você sabia que Pelé já fez novela, e de ficção científica? Ah, os anos 1960 na TV brasileira…

Falecido em 29 de dezembro de 2022, o Rei do Futebol também atuou em outras produções, mas interpretando a si próprio

Publicado em 04/01/2023

Depois de disputar três Copas do Mundo pela Seleção Brasileira – e tendo vencido duas delas, em 1958 e 1962 – e de uma carreira de muitas glórias no Santos Futebol Clube, Edson Arantes do Nascimento, para sempre Rei Pelé – falecido em 29 de dezembro de 2022, aos 82 anos, de câncer -, também marcou presença em algumas novelas, além de produções cinematográficas.

Geralmente, Pelé apareceu em cena interpretando a si próprio, a exemplo do ocorrido em O Salvador da Pátria (1989), de Lauro César Muniz; História de Amor (1995-1996), de Manoel Carlos, quando era ministro do Esporte do governo Fernando Henrique Cardoso; e O Clone (2001-2002), de Glória Perez, quando esteve no bar da Dona Jura (Solange Couto) e até cantou.

Mas em Os Estranhos, novela de Ivani Ribeiro exibida pela TV Excelsior em 1969, Pelé viveu um personagem fictício: ele era o escritor de contos policiais Plínio Pompeu, que vivia numa ilha comprada com os vultosos direitos de suas obras de grande sucesso.

Habitantes de Gama Y-12, um planeta no qual a violência havia sido eliminada, visitavam a Terra e se instalavam justamente na ilha de Plínio, na esperança de ensinar a nós como conseguir o mesmo resultado de paz e concórdia de seu planeta.

Entre esses visitantes de outro planeta estavam as belas Dioneia (Rosamaria Murtinho) e Melissa (Regina Duarte). Uma curiosidade é que Pelé, apesar do personagem de relativo destaque para o enredo criado pela autora, tinha bem pouco texto e não formou par romântico na novela.

Isso se deveu não a uma eventual incapacidade do intérprete-craque, mas à necessidade de mantê-lo relativamente pouco implicado na narrativa, para o caso do Rei ter que se ausentar das gravações devido a seus compromissos como atleta. No ano seguinte, Pelé ainda colaboraria decisivamente no tricampeonato mundial de futebol do Brasil.

A ideia de convidar Pelé para integrar o elenco de uma novela, gênero de grande repercussão até hoje em nossa televisão, foi do narrador esportivo e diretor da TV Excelsior, Edson Leite, que com isso pretendeu ajudar no momento delicado que a emissora já enfrentava naquele final dos anos 1960. Também em 1970, um pouco depois do tri, a Excelsior encerrou suas operações.

Uma história de ficção científica que também contou com Carlos Zara, Cláudio Corrêa e Castro, Stênio Garcia, Márcia Real, Vida Alves, Átila Iório, João José Pompeo, Márcia de Windsor, Lídia Costa, Serafim Gonzalez, Osmar Prado, Cleyde Blota e Silvio de Abreu (sim, ele mesmo, o futuro autor de novelas de sucesso) no elenco, entre outros, Os Estranhos foi dirigida por Gonzaga Blota e Gianfrancesco Guarnieri.

© 2024 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade