Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
História da TV

Há 25 anos, a TV Cruj invadia o sinal do SBT com a estreia de Disney Club

O programa infantil fez sucesso ao longo de cinco anos

Publicado em 01/05/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

No final da tarde de 28 de abril de 1997, o sinal do SBT foi invadido por três crianças mascaradas que reivindicavam o direito de assistir desenhos naquele horário. Os integrantes do Cruj (Comitê Revolucionário Ultrajovem) tomavam o controle remoto para si e iniciavam o Disney Club, um dos programas infantis mais queridos da televisão brasileira.

Exibido de segunda a sexta, inicialmente às 18 horas, o Disney Club mostrava Juca (Diego Ramiro), Guelé (Leonardo Monteiro) e Macarrão (Caíque Benigno), integrantes do Cruj, que montavam uma TV pirata para reivindicar os direitos dos “ultrajovens” e exibir animações. A TV Cruj trazia o melhor dos desenhos da Disney e divertia com seu jeito meio anárquico, mas que falava a linguagem da criança de uma maneira inteligente.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Disney Club foi o principal fruto de uma parceria milionária firmada entre o SBT e a Disney, concretizada no início de 1997. A companhia de Mickey Mouse vinha de um acordo de anos com a Globo, mas encontrava dificuldades em emplacar uma versão brasileira de Disney Club, que era uma grife mundial do estúdio. Na Globo, Disney Club era apenas uma faixa de desenhos nas manhãs de domingo e um quadro na TV Colosso.

Chegada ao SBT

Elenco do Disney Club

Assim, o SBT acenou com a possibilidade de um acordo, garantindo a produção de um programa da Disney na emissora, além da exibição de filmes e séries do estúdio. As negociações foram concretizadas, e o SBT e a Disney começavam a se mexer para criar o novo Disney Club.

Para implantar a atração, o SBT e a Disney miraram em dois nomes que vinham do célebre Castelo Rá-Tim-Bum, o bem-sucedido programa da TV Cultura. Cao Hamburger e Anna Muylaert foram os criadores do conceito da TV Cruj. A ideia era fugir do formato “apresentadores e desenhos”, que o Disney Club tinha em outros países. Daí veio a ideia de inserir dramaturgia e criar um espaço democrático conduzido por crianças.

Os diretores criaram o conceito a partir do livro “O Poder Ultrajovem”, de Carlos Drummond de Andrade, e criaram o Comitê Revolucionário Ultrajovem. A ideia era dar voz à criança, estimulando-a a lutar pelos seus direitos. Reivindicações simples, como escolher o próprio corte de cabelo, davam o tom dos episódios.

No ar

Elenco do Disney Club

A TV Cruj entrou no ar e disse a que veio. Juca, Guelé e Macarrão, que se disfarçavam de Caju, Chiclé e Macaco para comandar a TV pirata, traziam uma reivindicação nova a cada dia. Entre um argumento e outro, exibiam produções da Disney. Timão e Pumba e A Turma do Pateta foram as primeiras animações do Disney Club.

O sucesso veio rápido, e logo Disney Club ganhou o horário nobre, passando para a faixa das 19 horas e fazendo uma dobradinha com Chiquititas, que entrava às 20 horas. Deu muito certo, e o SBT colheu os frutos por uma programação infantil consistente à noite.

Poucos meses após a estreia, o programa ainda ganhou mais uma personagem. Malu (Jussara Marques), que colocava perucas e óculos coloridos, se disfarçava de Maluca e dava um toque feminino à atração. Era uma reivindicação das espectadoras, que queriam se ver representadas no Cruj. Ou seja, Disney Club realmente estimulava o espírito crítico de seu espectador.

Trajetória

A Turma do Pateta, sucesso do Disney Club

Disney Club se tornou uma febre na programação do SBT, garantindo excelentes índices de audiência e tornando seu elenco ídolos infantis da época. De 1997 a 2000, o programa era exibido de segunda a sexta, e se tornou a grande vitrine da Disney no Brasil, apresentando novidades e novos desenhos de tempos em tempos.

Quack Pack, Superpatos, Bonkers, Doug, Hora do Recreio, Ana Pimentinha, 101 Dálmatas, Mickey e Seus Amigos, Aladdin e Hércules foram algumas das animações exibidas nesta fase. O programa também teve alterações no elenco, com a saída de Caíque Benigno e a chegada de Danielle Lima (Ana Paula, a Pipoca) e Murilo Troccoli (Frederico, o Rico).

O elenco do Disney Club também viajava para a Disney World de tempos em tempos. No Natal, eles apresentavam a Parada de Natal do parque da Disney, num especial que se tornou uma tradição do SBT nesta época. O programa também promovia concursos culturais e chegou a lançar um CD com as músicas do Cruj.

No início de 2001, o programa deixou a grade diária do SBT e passou a ser exibido aos sábados pela manhã. Rebatizado de Disney Cruj, a atração se tornou uma espécie de seriado de aventura, com a inserção de novos personagens e entrechos. Esta fase teve algumas reviravoltas interessantes, mas não encantou o público. O programa terminou no final de 2002, quando uma crise financeira se abateu sobre o SBT, obrigando a emissora a encerrar várias produções.

Relembre a chamada de estreia do Disney Club:

Confira parte do primeiro programa Disney Club:

Confira outros conteúdos da coluna e do colunista ou entre em contato

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....