Em última semana, O Outro Lado do Paraíso explodiu e chegou perto dos 60 pontos em regiões do Brasil

Publicado há 3 anos
Por Gabriel Vaquer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em sua última semana de exibição, O Outro Lado do Paraíso fez jus a palavra fenômeno e atingiu índices históricos em todo o Brasil, segundo dados divulgados pelo Kantar Ibope Media.

Divulgados na última quinta-feira (17), os números mostram que em algumas regiões, o final não teve grande impacto, mas em outras, explodiu de forma surpreendente, chegando perto dos 60 pontos de audiência.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja mais: Rafael Zulu revela que beijo gay de O Outro Lado do Paraíso não foi escrito por Walcyr Carrasco

Na média fechada das quinze principais metrópoles do Brasil, o folhetim de Walcyr Carrasco que foi protagonizado por Bianca Bin e Marieta Severo marcou 42,5 pontos de média, a maior do PNT em toda a sua trajetória.

Os destaques no Brasil foram no Pará e no Rio de Janeiro. Em Belém, a média por lá foi de espetaculares 53,6 pontos. No último capítulo, a novela atingiu picos de 58, ficando muito próximo de uma incrível marca de 60 pontos de Ibope. Enquanto isso, na Cidade Maravilhosa, foram 43,9 pontos de Ibope, um dos maiores da novela.

Outros altos números foram conseguidos em metrópoles como São Paulo (44,2), Brasília (43,9), Florianópolis (37,5), Fortaleza (39,7), Porto Alegre (45,2) e Recife (48,1).

Outros bons números foram obtidos em Salvador (38,0), Vitória (41,6), Curitiba (37,3), Campinas (39,8), Belo Horizonte (37,3) e Manaus (40,2). A cidade com Ibope mais baixo é Goiânia, com apenas 36,2 pontos.

Veja também 

Pior novela da história? Assim como O Outro Lado do Paraíso, veja quatro novelas massacradas pela crítica

Jornal britânico critica Segundo Sol por falta de representantes negros no elenco da novela

Agora, o horário está sendo ocupado por Segundo Sol, de João Emanuel Carneiro. A trama se passa na Bahia e conta a história de Beto Falcão, interpretado por Emílio Dantas. Os dados refletem a preferência de um seleto grupo de telespectadores nas quinze principais metrópoles do Brasil.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio