Vincenzo Richy fala sobre o sucesso em As Aventuras de Poliana e afirma: “Eu quero incentivar o sonho nas pessoas”

Publicado há 2 anos
Por Cadu Safner
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Um dos principais nomes do elenco jovem de As Aventuras de Poliana é, sem dúvidas, Vicenzo Richy. O ator de 25 anos faz muito sucesso na pele do Vine, seu personagem na história. Apesar de estar colecionando trabalhos de grande êxito no Brasil, Vicenzo não é brasileiro.

Veja também: Carinha de Anjo ganha Prêmio Jovem Brasileiro como melhor novela e elenco infantil encanta plateia

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O ator nasceu na Itália, mais precisamente na cidade de Nápoles. No Brasil há mais de 8 anos, Vicenzo comemora a boa fase na carreira. Ele ingressou no universo da atuação em 2006 na escola Maria Palladino. Com passagens pela Rede Globo, onde atuou em Alto Astral e Babilônia, na Itália ele é reconhecido pela versão local de High School Musical no teatro.

Em entrevista ao Observatório da Televisão ele faz um balanço de carreira, fala de referências, bastidores de As Aventuras de Poliana, relação com elenco e troca de atrizes. Confira: 

Carreira e referências na atuação 

“Desde pequeno era o que almejava a carreira como ator. Eu morava na Itália e já tinha referências como Charles Chaplin. Meu sonho é fazer cinema. Eu me formei na Escola Wolf Maia e admiro muito ele por ter dirigido grandes novelas.

Fernanda Montenegro e Nathalia Thimbeg que eu tive a honra de poder ir ver no teatro e na televisão, são pessoas que eu me inspiro. Selton Melo e Wagner Moura que estão fazendo carreira fora é incrível ver o que eles estão conseguindo alcançar. É incrível poder emocionar o mundo inteiro.”  

Vida como influêncer 

“O número de seguidores é uma coisa que eu fiquei muito nervoso no começo. Eu entrei no SBT com 3 mil seguidores e hoje estou com 500 mil. Às vezes a gente não pensa, mas a gente acaba virando um influenciador. Eu quero muito incentivar o sonho das pessoas.

 O mercado para influenciadores e atores cresceu bastante. Tem a Netflix, o Youtube, tem várias outras plataformas, tem muitas oportunidades nessa área e se a gente tem vontade de fazer algo, temos que confiar em nós mesmos.” 

Convite para As Aventuras de Poliana

 “O Vinícius veio de bandeja pra mim. Eu estava morando em Los Angeles na época.  Quando me ofereceram eu fiquei muito feliz. Eu estava buscando algo que fosse assim, que me tirasse da minha zona de conforto. É diferente de mim fisicamente e psicologicamente. 

Ele tem 17 anos e eu tenho 24, é uma grande diferença de idade que pesa um pouco. Ele toca instrumentos e eu nunca tinha tocado nada na vida, ele canta e dança, ele me instiga a crescer como artista. A galera entende o sofrimento dele, de ser diferente. Ele não é feio, ele é apenas diferente.

Ele não sofre um bullying , ele vive uma pressão consigo mesmo. Onde ele tem que encontrar a autoestima dele, é uma questão muito pessoal. Ele tem que se aceitar como ele é, ou buscar a mudança.”

Relação com elenco e parceria com Larissa Manoela  

“O SBT é uma família mesmo, eu sempre digo que esses pilares de família, entretenimento e diversão são eles que tem.  Nós do elenco convivemos muito fora dos estúdios também. A Larissa, por exemplo, é demais.

A gente tem uma cumplicidade imensa lá, ela é uma pessoa incrível, admirável, fazer cena com ela é demais. Eu aprendi muito a ouvir e observar ela. Achamos um jogo de cena. O público tem gostado e ‘shipado’ o casal. Eu só tenho a agradecer a direção e a Íris Abravanel pela oportunidade de fazer o Vinicius.” 

Troca de atrizes  

“A gente sempre falou que é um momento delicado que a gente passou no elenco. Milena é uma grande artista, eu conhecia ela de vários outros trabalhos, admiro muito e torcemos para que ela ficasse. Mas a Thaís veio, recebemos ela de braços abertos, é uma grande atriz também, e é uma grande pessoa.” 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio