Crítica

Mulher-Hulk: Defensora de Heróis escorrega brevemente em primeira temporada concisa

Análise da primeira temporada da série da Marvel Studios para a Disney+

Publicado em 13/10/2022

Análises dos nove episódios de Mulher-Hulk: Defensora de Heróis da Disney+:

Uma Quantidade Normal de Raiva

A vida de Jennifer Walters (Tatiana Maslany) muda completamente após um acidente deixá-la com os superpoderes de seu primo Bruce Banner (Mark Ruffalo).

Direito Super-Humano

Jen é contratada por uma grande firma de Los Angeles, porémn, deve apenas trabalhar na forma Mulher-Hulk, tendo como seu primeiro cliente Emil Blonsky (Tim Roth), o Abominável.

O Povo contra Emil Blonsky

O “vilão” Emil Blonsky/Abominável é representado pela Mulher-Hulk em uma audiência de condicional.

Mulher Hulk 1
A protagonista Tatiana Maslany em Mulher Hulk Defensora de Heróis

Não é Magia de Verdade?

Wong (Benedict Wong) está processando um mágico pelo mau uso das Artes Místicas.

Malvadinha, Verdinha e de Calça Apertadinha

Jen resolve processar Titânia (Jameela Jamil) em uma disputa jurídica pelo nome “Mulher-Hulk”.

Apenas Jen

No casamento de uma amiga, vemos Jen ter algumas dificuldades com alguns convidados.

Mulher Hulk 2
Mulher Hulk e Megan Thee Stallion descendo até o chão

O Retiro

Enquanto Jen visita o retiro de Blonsky, observamos ela fazendo novas amizades e buscando paz interior.

Coaxando e Saltando

O “super-herói” Sapo, seu mais novo cliente, está processando um estilista pelo mau funcionamento de seu supertraje.

De Quem É Essa Série?

Mulher-Hulk arranjou alguns problemas com a justiça, e agora, tenta recomeçar sua vida.

Mulher Hulk 3
Charlie Cox como Matt MurdockDemolidor em Mulher Hulk Defensora de Heróis Disney+

Conclusão geral

Apesar de algumas escorregadas na parte central da primeira temporada, Mulher-Hulk: Defensora de Heróis da Disney+, mostrou-se um acerto ao assumir sua posição como comédia social e jurídica, afastando-se um pouco do universo dos super-heróis da Marvel, elevando-se ao nível de outras séries mais qualificadas da Marvel Studios, como por exemplo, WandaVision e Falcão e o Soldado Invernal.

© 2024 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade