Reta final

Vilão se dando bem? Personagem de Pantanal termina a novela sem pagar pelo que fez

Gabriel Santana falou sobre o desfecho de Renato no enredo

Publicado em 05/10/2022

Na próxima sexta-feira (7), Pantanal, trama das 21h de Bruno Luperi, exibirá na TV Globo o seu último capítulo. Gabriel Santana, responsável por viver o vilão Renato, filho de Zuleica (Aline Borges), falou sobre o desfecho do seu personagem.

“O final fica dúbio. Não dá para saber se Renato se arrependeu ou não. Ele sai impune de tudo o que fez e fica no ar o que ele vai se tornar, o que ele acha certo ou errado… Achei interessante essa construção. Só com Pantanal 2 poderíamos descobrir o que realmente aconteceu”, declarou o astro à Patrícia Kogut, do jornal O Globo.

Diferente do vilão, o artista quer distância de armas. “Eu não gosto. Teve o incidente nos EUA, que causou a morte da diretora [caso do ator Alec Baldwin]. Sempre que pegava uma arma, eu mirava o chão, via se a trava de segurança estava ali mesmo”, contou o famoso.

“Para me sentir no personagem, ficava o máximo de tempo com a arma, mas tendo muito cuidado. Não dá para fazer brincadeirinha e apontar para os outros. Eu testava mil vezes antes. Além, claro, de toda a preocupação da Globo. Sempre tinha um profissional lá orientando”, destacou o astro, que contou também a repercussão do trabalho.

“As pessoas que me encontram pessoalmente e me reconhecem dizem que odeiam o Renato e me parabenizam pelo trabalho. O personagem é feito para gerar isso mesmo. No Twitter, vejo muitos comentários como ‘Renato está me dando muita raiva’. Óbvio que tem uma pessoa ou outra que fala que não gosta do meu trabalho. Mas é normal, não dá para agradar todo mundo”, concluiu Gabriel.