afastado

Tutinha renuncia à presidência da Jovem Pan após atos terroristas em Brasília

Ele deve ser substituído por Roberto Araújo

Publicado em 09/01/2023

O empresário Antônio Augusto Amaral de Carvalho Filho, conhecido como Tutinha, deixou o cargo de presidente do Grupo Jovem Pan nesta segunda-feira (09). A decisão foi tomada um dia depois de a emissora ser criticada pela cobertura dos atos terroristas que aconteceram em Brasília neste domingo (08).

De acordo com informações do portal Notícias da TV, o empresário decidiu renunciar ao cargo após a JP News ser acusada nas redes sociais de fomentar o golpismo bolsonarista, que invadiu o Congresso Nacional, o Palácio do Planalto e a sede do STF (Supremo Tribunal Federal) em protesto contra a posse de Lula como presidente. 

A decisão está sendo vista como uma tentativa de blindar o grupo e a família Carvalho, que estão se envolvendo em diversas pôlemicas em razão do apoio ao ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). Tutinha desempenhava a função desde 2013.

Desde que a família comprou a empresa, esta será a primeira vez que a emissora será presidida por alguém de fora. O empresário, que está na Europa desde dezembro, segue no quadro de acionistas do grupo. Ele deve ser substituído por Roberto Araújo, CEO do grupo desde 2014.