Orgulho e Paixão: Susana implora o perdão de Darcy

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Parece que Susana (Alessandra Negrini) terá mesmo que se explicar para Darcy (Thiago Lacerda) por ter feito intriga, em Orgulho e Paixão, na Globo. A vilã mentiu e quase prejudicou o relacionamento do galã com a mocinha Elisabeta (Nathalia Dill).

“Vim lhe repetir a pergunta. Por que você mentiu pra mim e pra Elisabeta? O que você quer, Susana?”, perguntará Darcy. “O que eu quero? Eu quero o seu bem, Darcy. Eu quero o bem de Camilo. Eu quero a felicidade dessa família”, responderá a megera.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Julieta reconhece que Elisabeta lembra a si quando jovem, em Orgulho e Paixão

“E o que a mentira ajuda nisso?”, insistirá o galã. “Quando chegamos ao Vale do Café, logo vi que as moças solteiras da cidade ficaram assanhadíssimas quando vocês dois entraram naquele baile. Você mesmo dizia que as camponesas costumam ter apenas uma missão quando chegam homens da cidade grande: agarrá- los e casar-se com eles pelo dinheiro”, explicará.

“Era uma generalização que eu fazia. Equivocada”, rebaterá Darcy. “Pois eu fiz a mesma generalização. Camilo é como um irmão mais novo pra mim e você… Você é um homem cujo bem estar muito me importa. Eu só queria protegê-los, eu…”, dirá Susana começando a chorar.

“Susana, eu…”. “Não, agora me deixe falar. Me deixe expiar meus pecados! Sim, eu menti. Pra você, pra Elisabeta. Tudo isso pra garantir a sua felicidade! Mas está claro agora que me enganei. Você está interessado nessa moça e eu não tenho o direito de interferir. Perdão!”, dirá antes de abraçá-lo.

“Eu… eu agradeço”, afirmará Darcy. “Você me perdoa então, meu querido Darcy? Tudo que eu fiz foi pensando no seu bem!”. “Mas, Susana, eu…”. “Perdoe, Darcy! Perdoe! É tudo que peço!”, dirá ajoelhada. “Susana, por favor, isso é demais… Levante-se… Eu entendi o motivo pelo qual você fez o que fez”.

“Oh, meu querido. Obrigada pelo seu perdão. Eu vou procurar Elisabeta. Devo desculpas a ela também. E eu prometo, com todo meu coração, que nunca mais vou me meter nesse assunto. Só quero sua felicidade…”.

“Obrigado, Susana. Agora pare de chorar. Também quero sua felicidade”. “Sempre amável. Um lorde inglês de dois metros! Se não se importa, preciso me recompor”. “Claro. Nos vemos mais tarde”, dirá Darcy, que, na sequência, sairá.

“A primeira batalha você ganhou, Elisabeta. Mas a guerra mal começou, sua caipira. Você vai me pagar por esses joelhos no chão!”, concluirá para si Susana, de cara fechada.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio