Orgulho e Paixão: Mário e Brandão quase se beijam na boca

Publicado há 3 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Orgulho e Paixão, na Globo, Brandão (Malvino Salvador) e Mário (Chandelly Braz) se tornaram muito amigos. A proximidade entre os dois fez com que o coronel se sentisse muito à vontade. Nos próximos capítulos, os dois estarão a sós, conversando, quando o clima vai esquentar. Os dois se sentirão atraídos. Confira.

“Que demora! Onde eu estava com a cabeça quando permiti que Mário se expusesse assim?!”, comentará Brandão, para si mesmo. Neste momento, Mário chegará. “Deu certo!!! Uirapuru saiu correndo, acreditou que eu era o verdadeiro Motoqueiro, ou seja: que não pode ser você!”, comemorará. “Não devia tê-lo deixado fazer isso, fiquei com o coração na mão!”, dirá Brandão, aliviado.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Olegário surpreende e revela tramoias de Susana a Julieta, em Orgulho e Paixão, na Globo

Eles vão se abraçar. “A sensação de ser o Motoqueiro Vermelho… é incrível! Como você pôde abrir mão disso?!”, dirá Mário, empolgado. “É excitante, eu sei… mas é errado!”, ponderará Brandão. “Errado é não desfrutar de tudo que a vida pode dar! Nunca me senti tão poderoso, forte… O Motoqueiro é eletrizante, Brandão!”.

Neste momento, Brandão já estará envolvido. “Está falando igualzinho a Mariana… Você tem a mesma fome pela vida, pela emoção que ela. Nesse ponto são iguais!”. Os dois vão se olhar, os rostos se aproximarão, haverá um clima ali. Brandão colocará a mão no rosto de Mário, na atmosfera de beijo.

Brandão cai em si

“Me perdoe, a sua empolgação me contaminou… isso é impróprio”, cortará o clima Brandão. “Não, não tem problema…”, falará Mário. “Como assim, não tem problema?!”, questionará o coronel. “Foi só um… gesto de amizade. Os esquimós se cumprimentam esfregando o nariz. Na Rússia, os amigos até se beijam!”. “É melhor você se recolher… já é tarde”, sugerirá Brandão, perturbado. “Minha nossa, olha a hora! Boa noite!”, encerrará a conversa Mário.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio