O Tempo Não Para: Marocas revela para o seu pai o desejo de trabalhar: “Ao contrário das moças deste século, sinto que não tenho independência!”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos de O Tempo Não Para, o clima irá esquentar entre Dom Sabino (Edson Celulari) e Marocas (Juliana Paiva) tudo porque a jovem do século passado quer trabalhar e ter o seu próprio dinheiro. “Pai… eu me sinto tão impotente… Ao contrário das moças deste século, sinto que não tenho independência!”, questionará a jovem. “Você tem a mim”, pontuará Dom Sabino. “Eu preciso trabalhar”, concluirá a jovem do século 19.

Leia também: Após 132 anos, Dona Agustina se entrega para Dom Sabino

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Dom Sabino ficará furioso. “Minha filha… nós já conversamos a respeito disso!”, dispara o marido de Dona Agustina (Rosi Campos). “Mas não chegamos a uma conclusão”, acrescentará a jovem. “Engano seu… Chegamos, sim! Eu disse, com todas as letras, que essa é a minha palavra final”, indagará o homem do século 19.

Uma mulher à frente de seu século

Marocas ficará triste com seu pai, pois os tempos mudaram. O senhor está sendo intransigente”, dirá Marocas. “Não posso transigir com o que é errado”, concluirá Sabino. “Errado? O trabalho dignifica, enobrece!… O senhor mesmo me ensinou isso!”, acrescentará Marocas. “Quando se trata de um homem”, pontuará seu pai.

Leia também: Zelda vende informação sigilosa para Pedro Parede: “Quentíssima”

Marocas revelará para seu pai, que eles precisam se unir em relação a esse novo século, pois muita coisa mudou. “Meu pai… Nós não temos mais casa… Nós vivemos numa pensão, do favor de estranhos… Não temos mais nada de nosso… O senhor não tem mais nada de seu… A não ser o seu orgulho!”, relatará a jovem.

Dom Sabino pedirá respeito. “Respeite o seu pai, Maria Marcolina!”, relatará o patriarca. “E o senhor me respeite. Eu não sou mais uma criança… Eu sou uma mulher!”, pontuará a jovem. “Você é minha filha!”, acrescentará Sabino. “Deveras. E jamais esquecerei isso. Foi uma lição que eu aprendi… Eu amo o senhor, meu pai, tenho por si todo o respeito do mundo! E lamento profundamente que o senhor não me respeite também!”, concluirá a jovem. Dom Sabino sairá da discursão triste e com lágrimas nos olhos. Já Marocas, seguirá para o seu quarto.

O Tempo Não Para é uma novela escrita por Mario Teixeira, com colaboração de Bíbi Da Pieve, Marcos Lazarini e Tarcísio Lara Puiati, com direção artística de Leonardo Nogueira e direção geral de Marcelo Travesso e Adriano Melo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio