O Tempo Não Para: Após descobrir segredo de Dom Sabino, Eliseu abriga Cecílio em sua casa

Publicado há 2 anos
Por Henrique Carlos
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos de O Tempo Não Para, Eliseu (Milton Gonçalves) estará pelas ruas de São Paulo puxando sua carroça e recolhendo produtos reciclados, quando Cecílio (Maicon Rodrigues) perceberá que o bom homem está cansado. Ele se prontificará a ajudá-lo. “Seu Eliseu, deixa que eu ajudo”, dirá o filho bastardo de Dom Sabino (Edson Celulari). “Cecílio? Tá tudo bem, muito obrigado. Fico feliz de ver você bem, meu rapaz. Da última vez que nos vimos na pensão, você estava macambúzio, triste”, afirmará Eliseu. “E o senhor foi até lá em meu socorro”, pontuará o jovem. Eliseu dirá para o jovem que tentou só o ajudar, já que é nesses momentos de tristeza, que as pessoas mais precisam de uma palavra amiga. “Apenas tentei ajudar”, responderá Eliseu. Cecílio o ajudará com a carroça. “Vem, eu ajudo o senhor”, responderá Cecílio carregando a carroça de produtos recicláveis. Eliseu ficará aliviado.

Leia também: Carmen contrata segurança particular para proteger Samuca

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Um lugar para dormir…

Quando chegar em sua casa, Eliseu perceberá que o jovem não tem para onde ir. O bom homem convidará Cecílio para ficar em sua humilde residência. “Você tava mesmo com fome. Você está dormindo na rua, Cecílio?”, questionará Eliseu. “Pra aquela pensão eu não volto mais”, afirmará Cecílio. “Então você precisa de um lugar, pode ficar aqui até se aprumar. Você pode me pagar, com o seu trabalho. Pode ser meu ajudante”, sentenciará o pai de Lalá (Micael). “Aceito, seu Eliseu, mas prometo que arranjo um lugar pra morar assim que eu juntar uns cobre”, dirá um Cecílio extremamente emocionado.

Leia também: Zelda transforma Cairu em modelo de sucesso

O Tempo Não Para é uma novela escrita por Mario Teixeira, com colaboração de Bíbi Da Pieve, Marcos Lazarini e Tarcísio Lara Puiati, com direção artística de Leonardo Nogueira e direção geral de Marcelo Travesso e Adriano Melo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio