SEM PAPAS NA LÍNGUA

Nicole Bahls abre o jogo sobre os bastidores do Pânico na TV e denuncia diretor famoso: “Enfiou a mão na minha saia”

Ex-panicat relembrou momentos importunos que enfrentou na época em que trabalhou na atração humorística

Publicado em 30/11/2022

A ex-panicat Nicole Bahls, de 37 anos, abriu o jogo sobre a época em que trabalhou como assistente de palco do Programa Pânico, e confessou que ficou com medo de ser demitida da atração após sofrer assédio sexual de um famoso diretor. Em entrevista ao podcast Quem Pode, Pod, apresentado por Fernanda Paes Leme e Giovanna Ewbank, a influenciadora relembrou os bastidores da atração humorística e desabafou sobre algumas situações em que enfrentou nos bastidores.

“Eu fui gravar uma entrevista, tinha um diretor de teatro que é super conhecido, mas eu não quero expor o nome dele. Ele enfiou a mão na minha saia e enfiou muito forte. Tinha muita gente olhando, me fez mal naquele momento, mas depois eu absorvi. Eu fiquei com medo de falar o que eu estava sentindo na época e perder o trabalho no Pânico”, contou a artista.

Nicole Bahls também confessou que muitas das brigas das panicats eram armadas pelo diretor do programa em busca de uma audiência baseada na rivalidade feminina. “Eu era muito nova, não tinha maturidade para identificar a gravidade de muitas coisas que aconteciam ali. A Sabrina [Sato] não preciso nem falar, mas quando eu vejo algum vídeo eu falo: ‘Meu Deus’. O diretor estimulava aquela confusão [entre as panicats] para gerar conteúdo”, relatou.

Vale destacar que em entrevista recente, Nicole Bahls revelou que não mantém contato com as ex-panicats de sua época, e que prefere focar em sua carreira ao invés de deixar em aberto algum tipo de rivalidade já superada.

© 2024 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade