Monica Iozzi fala sobre participação em Carcereiros: “O amor pode surgir em qualquer lugar”

Publicado há 2 anos
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Todos sabemos que Rodrigo Lombardi é o protagonista de Carcereiros. Porém na estreia da segunda temporada da atração, na noite de ontem (terça-feira, 16), foi Monica Iozzi quem roubou todas as cenas.

Acostumada às comédias rasgada, ela impressionou com a densidade com que construiu a agente penitenciária Daniela. A personagem se envolve em um improvável romance com Paraíba (José Loreto), detento dos mais violentos, ao responder as cartas que ele enviava para sua esposa.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“A história desse episódio mostra que o amor pode surgir em qualquer lugar. Qualquer que seja a situação, em meio ao caos, em um ambiente de tristeza, que as pessoas se sentem sozinhas, desoladas, um ambiente violento, o amor surge”, defendeu a ex-apresentadora do Vídeo Show.

Para José Loreto, interpretar um personagem complexo como Paraíba também se impôs como um desafio. “É um cara perigoso que tem uma história de amor. Ele é apaixonado pela esposa que larga ele. Tem uma poesia, uma coisa de troca de cartas. É um monstro, mas ele tem uma pureza”, definiu o ator, que vive Júnior na novela O Sétimo Guardião.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio