Diretora de documentário sobre as paquitas explica por que interrompeu o projeto

Projeto teria o título de Foi Tão Bom

Publicado em 30/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Quando a cineasta Joana di Carso, proprietária da Vydia Produções, anunciou alguns anos atrás a produção de Foi Tão Bom, um documentário sobre as paquitas, muitos fãs do grupo e da apresentadora Xuxa Meneghel se encheram de expectativa. O projeto, porém, acabou cancelado no início de 2020, junto com a chegada da pandemia.

O motivo desse engavetamento teve a ver com um certo desânimo de Joana, idealizadora e diretora da produção, diante das dificuldades para desenvolver o que estava planejado.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Me cansou. Aconteceu de a pessoa [uma das paquitas] confirmar a entrevista [para o documentário] e depois eu soube de alguns movimentos… Algumas coisas são desnecessárias. Você não quer participar, não atrapalha“, queixou-se abertamente Joana, em entrevista para o podcast Birulei.

Em maio do ano passado, a cineasta disponibilizou on line várias da entrevistas que seriam usadas no documentário. Mesmo com a divulgação de parte do material e após tanto tempo de estagnação, ela não descarta a ideia de retomar o projeto de Foi Tão Bom no futuro – quem sabe, até mesmo por meio de uma parceira.

Se alguém um dia pensar em fazer [algo parecido] e quiser trocar uma ideia, me perguntar se pode usar [o material produzido por Di Carso]… Impossível não é. Está tudo guardadinho no HD. A gente não sabe o dia de amanhã. Mas realmente não é minha intenção [voltar a produzir o documentário]“, explicou Joana ao apresentador Pedro Henrique de Freitas.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio